Quem Nao Vem Pelo Amor Vai Pela Dor?

Uma dor que se transforma em amor – A frase que diz “quem não vai por amor, vai pela dor” não está na Bíblia, mas precisa da Bíblia para ser compreendida claramente. Deus não usa a dor para obrigar as pessoas a se aproximarem dele. Ele não usa de força ou violência, ao contrário, Ele nos deu o livre arbítrio para escolhermos o caminho que queremos seguir.

Se durante o nosso percurso encontrarmos dor, precisamos reconhecer que é algo comum neste mundo que vivemos. Muitas pessoas vão partir de nossas vidas, e algumas vão muito cedo. Doenças poderão atingir quem amamos ou a nós mesmos.

Problemas difíceis de resolver vão aparecer. Só o que podemos fazer diante de tudo isso é aceitar cada situação e aprender com elas. Sofremos mais quando idealizamos um mundo perfeito e maravilhoso, onde tudo sempre tem que dar certo e nós nunca iremos sofrer.

Esse cenário simplesmente não existe. Jesus já havia feito esse alerta para os que estavam vivendo naquele tempo e aos que ainda iriam nascer. “Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo.

” ( João 16. 33 ).

Onde fala na Bíblia que quem não vem pelo amor vem pela dor?

Já ouvi muitas vezes as pessoas dizendo: “QUEM NÃO VEM PELO AMOR, VEM PELA DOR”. Essa frase defende a tese de que todos, de algum modo, virão para Deus. Acredito que boa parte das pessoas que utilizam esse chavão o faz sem se dar conta do que realmente estão afirmando.

Senão vejamos: a frase divide a humanidade em dois grupos: a) os que vêm a Deus mediante a aceitação dócil do Seu amor e; b) os renitentes e obstinados que têm a sua inflexibilidade vencida pela dor e o sofrimento.

Os dois grupos desaguam de modos diferentes no mesmo lugar, ou seja, em Deus. O amor, o afeto e o carinho sem dúvida alguma são meios pelos quais muitos têm se achegado a Deus. A dor, a angústia de alma e a perplexidade diante do sofrimento também já se mostraram eficazes no esmiuçar a penha de corações empedernidos.

Contudo, acredito que há de se considerar um terceiro grupo – c) o dos que desprezam o amor e por ele não se deixam encaminhar e nem tão pouco se dobram pela dor e o sofrimento. Sim, eu sei que há pessoas que, depois de passarem por uma dolorosa experiência, entendem a vontade de Deus.

Entretanto, isso não é uma regra pétrea. Existem pessoas que nem mesmo pela dor se arrependem. Por isso, a Palavra de Deus alerta: “O homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz, será quebrantado de repente sem que haja cura” (Pv 29:1). Tenho dito.

O que a Bíblia fala sobre a dor?

O que a Bíblia fala sobre a dor? A dor é relativa para quem está coberto, ou debaixo da proteção de Deus. doer; pv, 23; 35 espancaram-me, mas não me doeu. jr. 5; 3. feriste-os, mas não lhes doeu. A palavra doente, provem (do que sente dor) para os doentes (ou os que sentem dor) o evangelho ensina o poder da oração; mt 9; 12-mc2; 17-lc5; 31 dizem; não necessitam de médico os sãos, mas sim, os doentes.

  • tg5; 14 está entre vós doente? chame os presbíteros da igreja para orarem;
  • tg5; 15 a oração da fé salvará o doente (ou o que sente dor);
  • Em tudo Deus, não promete um mundo sem dor, pelo contrário diz, neste mundo tereis aflições, mas promete que não dará uma dor maior do que se pode suportar;

(isso neste mundo). Porém para a eternidade sim esta escrito; Ap21; 4 não haverá mais morte nem dor, nem lágrimas e nem ranger de dentes. Sabemos da existência da depressão e opressão que provem de um problema físico, mas diz o evangelho sobre a depressão e opressão, chamada doença da alma, ou dor da alma, essa somente curada com o poder da oração; Atos 10; 38.

  1. Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com poder, o qual andou fazendo o bem, e curando todos os oprimidos, porque Deus era com ele;
  2. A ciência deve seguir junto com a graça e o amor de Deus;

1co; 8; 1; Sabemos que todos temos ciência. A ciência incha, mas o amor edifica. Quem tem a ciência das coisas do mundo, deve também ter a ciência do ensinamento de Deus (Evangelho); 1 Timoteo 6; 20; Guarda o deposito que te foi confiado, evitando as conversas vãs e profanas e as oposições da falsamente chamada ciência (Se não acham provas de que Deus existe, é falso dizer que não existe, porque também isso não podem provar), seguindo o que diz no versículo 6; 20; a qual a professando alguns, se desviam da fé, (injusto porque a fé salva).

2Pedro 1. 5; Por isso mesmo vos, empregando toda a diligencia, acrescentai a vossa fé a bondade, e a bondade A ciência. E a ciência ao domínio próprio, e ao domínio próprio a perseverança, e a perseverança a piedade, e a piedade a fraternidade, e a fraternidade o amor.

Pois se em vos houver estas coisas em abundancia, não vos deixarão ociosos nem infrutíferos na plena ciência de nosso Senhor Jesus Cristo. Mas aquele em quem não há estas coisas é cego, vendo somente o que está perto. Portanto, procurai fazer cada vez mais firme a vossa vocação e eleição.

Onde está escrito na Bíblia vinde a mim como estás?

1- ‘ Vinde a mim como estais ‘ não é um versículo; isto não está escrito na Bíblia. Esta famosa frase ‘ vinde a mim como estais ‘ é confundida com o que Jesus disse em Mateus 11:28, observe: ‘ Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.

Onde diz que a palavra de Deus se renova a cada dia?

Quem Nao Vem Pelo Amor Vai Pela Dor Se eu ganhasse um real pra cada vez que eu ouvi essa frase. Muitas vezes é usada por pregadores querendo impressionar nas igrejas. Não preparam a pregação, não se aprofundam em estudos bíblicos, e por pura preguiça vem novamente com aqueles textos manjados de sempre, mudando uma coisinha aqui ou ali. Não tem nada novo para falar, nada mais profundo da Bíblia para pregar, e qual a desculpa dele ao microfone? “A Bíblia diz que a palavra do Senhor se renova a cada manhã, irmãos!”.

  1. Eu pegaria o microfone e diria “irmãos, A BÍBLIA NÃO DIZ ISSO”! Sim, é verdade que a Bíblia é INFINITA em sabedoria e que, de apenas um versículo, temos sabedoria profunda para descobrirmos aos poucos e sempre durante toda a nossa vida;

A palavra de Deus não fica velha e é atual sempre; mas a Bíblia não afirma que ela se renova a cada manhã. O que se renova a cada manhã é a misericórdia do Senhor. Vemos isso em Lamentações de Jeremias 3:22,23 que diz: “As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; Renovam-se a cada manhã; grande é a tua fidelidade”.

  1. E isso deveria nos maravilhar ainda mais;
  2. É a razão de não sermos consumidos, de ainda estarmos vivos todos os dias – as misericórdias de Deus! 🙂 Precisamos ter atenção na hora de falarmos de Jesus para não adicionarmos nada ao que realmente está escrito, nem distorcer ou esconder;

Seremos responsabilizados! “Falando disto, como em todas as suas epístolas [de Paulo] , entre as quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição. Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que, pelo engano dos homens abomináveis, sejais juntamente arrebatados, e descaiais da vossa firmeza; Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo.

You might be interested:  Dor De Cabeça Quando Se Preocupar?

O que endurece a cerviz?

Quem insiste no erro depois de muita repreensão, será destruído, sem aviso e irremediavelmente. – Versão NVI (Nova Versão Internacional) Aquele que, sendo muitas vezes repreendido, endurece a cerviz, será quebrantado de repente sem que haja cura. – Versão AA (Almeida Revisada Imprensa Bíblica) O homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz será quebrantado de repente sem que haja cura.

Qual o propósito da dor?

Graça e paz. A dor tem sido o motivo principal do retrocesso de muitos negócios. Rejeitada por muitos, tem causado grandes problemas em igrejas, instituições e marcas. Mesmo a dor causando uma sensação desagradável, é necessário que venhamos aprender a lidar com ela em nosso dia a dia.

  • Ela é essencial para aquele que deseja estar imerso verdadeiramente em um propósito;
  • É uma forte alavanca para gerar um desejo por transformação;
  • Cientificamente, o nosso corpo é treinado para evitar aquilo que nos traz dor;

Fazemos isto de maneira que não percebemos. Trazemos esta autodefesa para o mundo das organizações e tentamos de todas as maneiras evitar qualquer caminho que venha gerar dor. Entretanto, todo propósito para ser realmente relevante ele precisa ser gerado a partir da dor.

Pode parecer estranho aos olhos ler isto. Embora, incomode. É a verdade. Quero trazer como referência para isto a história de Neemias. Um homem que descobriu seu propósito baseado em uma dor. Ele amava seu povo, mas estava distante, trabalhando no palácio como copeiro do rei.

Um dia, Ele recebe uma notícia de como estava a cidade de Jerusalém e sente uma dor profunda. A Bíblia nos relata que ele parou tudo o que estava fazendo e entrou em prantos , jejuou e orou a Deus. Logo em seguida, se preparou para ir até Jerusalém para reconstruir os muros.

Isto foi um marco para a vida de Neemias. Saber e sentir a dor profunda de seus conterrâneos despertou nele um intenso desejo de resolver o problema. Quando experimentamos a dor do outro desenvolvemos a empatia.

Não é diferente com nossas igrejas, instituições e marcas. Se tentarmos transmitir um propósito sem realmente entender e compreender a necessidade do outro, estaremos vivendo e falando de algo que nunca experimentamos. Grandes empresários e marcas do século atual passaram ou passam por processos de dor.

  • Nasceram para curar uma dor da sociedade;
  • Satisfazer uma necessidade real;
  • A questão principal é descobrir a maneira de como lidar com a dor, para depois transformá-la em solução;
  • Trago aqui 5 dicas práticas que pode ajudar você,  pastor , líder e empresário, a lidar com a dor de maneira que extraia a solução, mesmo depois de ter passado pelo pranto, assim como Neemias;

Não é uma rota pronta, mas acredito que pode te nortear a mergulhar verdadeiramente em um propósito. Sempre me pego falando sobre este tema, mas se a gente observar ao redor da bíblia, quase tudo, senão tudo, inicia por um questionamento. O primeiro ato de Neemias foi questionar sobre o seus conterrâneos, mostrando interesse.

Como Deus usa a dor?

O sofrimento é uma constante na vida do homem. Sofremos por amor, por problemas de saúde etc. Mas o que significa sofrer? Segundo o dicionário da Língua Portuguesa sofrer significa: sentir, padecer, experimentar, passar, suportar, tolerar, ter dores, ser atormentado.

Para muitos, o sofrimento é algo ruim e sem sentido, experimentado pelos fracos. Vários filósofos enxergam o sofrimento como um sentimento ou fruto de escolhas que causam dor, desolação, angústia, falta de autoconfiança, e que apenas prejudica o sujeito, “condenado” a sofrer.

Daí surge a questão: como encaramos o sofrimento, as dificuldades, os fracassos?  A dor, é fato, faz parte da vida, assim como a alegria e o prazer. Cabe ao sujeito saber o que fazer a partir da dor; qual o sentido quer dar para o seu sofrer. Ora, o desafio do cristão é transformar a dor em alegria, é descobrir o milagre onde parece impossível, é sonhar em meio às trevas, é ter fé na incredulidade, acreditar na vitória após as tribulações, é ver a vida com o coração e fazer das coisas simples mil motivos para sorrir; é crer que “após a tempestade vem a bonança”.

Mas será possível essa transformação? Sim, é possível. Porém não se trata de um mero esforço humano, mas divino. Encontrar alegria na dor não significa buscar o sofrimento, é experimentar a alegria de saber que apesar da dor ela é sempre passageira, e que ao seu fim vem a vitória.

Na carta aos Romanos, Paulo ensina que o sofrimento produz perseverança, paciência, persistência, constância. Características que se apresentam no homem maduro, que se mantém leal à sua fé e aos seus propósitos mesmo quando está debaixo das maiores tribulações ou sofrimentos.

  • O sofrimento é um meio que Deus usa para fazer crescer na fé;
  • Pedro diz que o sofrimento é comparado à ação do fogo, como um elemento purificador, um elemento que torna o objeto aprovado, aperfeiçoado, confirmado;

Deus usa o sofrimento para refinar-nos. O Cristão, quando deparar-se frente ao sofrimento pelas mais variadas razões, deve lembrar-se que não é um desventurado, mas um amado de Deus. Os sofrimentos pelos quais passa são maneiras, talvez até incompreensíveis à razão humana, de Deus fazer bem à sua vida.

Os sofrimentos suportados com paciência por um cristão servem de exemplo e testemunho para toda a Igreja. O sofrimento é a escola onde aprendemos a consolar e confortar as pessoas da mesma maneira como Deus o faz.

Somente quem enfrentou dor, sofrimento e perdas pode genuinamente consolar os que enfrentam tais situações. Diego Mendes – Seminarista.

O que Jesus falou sobre a dor?

  A situação dessa mulher do Evangelho de hoje é muito triste! Primeiro, porque ela é viúva, tem um único filho e este está morto. Imagine a tristeza do coração dela! Imagine como ela está arrasada, humilhada e sofrida por tantas circunstâncias que está vivendo. Jesus, o Senhor da vida, move-se de compaixão por essa mulher, aproxima-se dela, do seu sofrimento, da sua dor, humilhação e lágrimas para lhe dizer: “Mulher, não chores!”.

  • Sabe, meus irmãos, é admirável a sensibilidade humana de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo! Ele não olha para ninguém com desdém nem despreza o sofrimento das pessoas;
  • Ao contrário, Ele se move de paixão, move-se com todo o sentimento de Sua alma e de Seu coração pelo sofrimento humano;

Quantos sofrimentos já passamos nesta vida! Quantos situações dolorosas nós passamos em tantas circunstâncias que vivemos! Pensamos ou ainda concluímos que Deus se esqueceu e está longe de nós, que não se compadece de nós. Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo está do lado de quem sofre, de quem chora e é humilhado, de quem realmente solta as lágrimas na vida.

  1. É Ele quem vem em nosso socorro, em nosso auxílio, porque Ele é o bálsamo para a nossa alegria e para os nossos sofrimentos;
  2. Por maior que seja o sofrimento que você tenha vivido ou que esteja vivendo, ou se em alguma circunstância da vida o sofrimento bateu à porta do seu coração, você não está sozinho! Você não está sozinho, meu filho! O Senhor está com você! Ele está ao seu lado, move-se de compaixão para com aquilo que você sofre;

Outra coisa é importante: não podemos perder a sensibilidade pelo sofrimento do outro, pela dor do outro. Não podemos deixar de ter compaixão por aquilo que os outros estão sofrendo. Precisamos assumir, em nosso coração, os sentimos de Cristo Jesus. O mais importante, aqui no Evangelho, não é a cura nem o jovem que é levantado, mas é Jesus acolhendo essa mãe, compadecendo-se da dor e do sofrimento dessa alma, desse coração.

  1. Há muitas pessoas sofrendo ao nosso lado, muitos vivendo amarguras profundas em seu coração;
  2. Você não é a pessoa mais sofrida da face da Terra! Lembre-se de que, se você tem essa ou aquela dor, existem tantas pessoas ao seu lado, na sua frente ou atrás de você com o sofrimento dez vezes ou cem vezes mais dolorosos que o seu, e essas pessoas, muitas vezes, estão consolando outros que estão sofrendo;
You might be interested:  Porque Sinto Dor No Pé Da Barriga Quando Transo?

Precisamos consolar uns aos outros, ajudar no sofrimento, na dor, ter compaixão uns dos outros! Não podemos viver, simplesmente, a religião que se importa somente com si mesmo, com seus problemas. A religião liga-nos ao Deus que tem compaixão, que vai, com todo o coração, no sofrimento do outro.

  1. Precisamos ter um coração como o de Jesus, que se compadece e ama o sofredor, que ajuda a cuidar, aliviar, a tirar da morte aqueles que estão, muitas vezes, mortos devido ao tamanha da dor e do sofrimento;

Deus é nosso consolo e precisamos ser consolo uns para com os outros!   Deus abençoe você.

Quem está cansado é sobrecarregado?

Querido leitor (a), no Evangelho de Mateus 11. 28-30, Jesus diz: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomais sobre vós meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para vossa alma.

  1. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve”;
  2. Você pode estar cansado, sobrecarregado por causa de conflitos, desemprego, problemas no casamento ou qualquer outro relacionamento, e, por conta disso, buscando alívio na bebida, nas drogas, no WhatsApp e no Facebook ou em tantas outras coisas;

Mas afirmo: somente Jesus pode trazer o alívio, porque tudo isso que te oprime e pesa sobre você Ele levou sobre si na cruz do calvário. Jesus olha com compaixão e, com grande amor, orienta entregar sobre Ele todo o cansaço. Não importa como você esteja, porque não existe nada em sua vida que não seja importante para Deus e que Ele não possa abençoar, mudar e transformar, para que você possa realmente viver o sonho Dele, e, assim, prosseguir muito bem ainda neste mês de março.

  • Jesus diz ainda: “Achareis descanso para vossas almas”;
  • Sabe esse cansaço físico, que uma noite de sono ou um dia na praia resolve? Não é dele que estou falando, mas de um cansaço na alma, que te acompanha, que está sempre sobre você, esmagando-te;

Isso porque esse cansaço não é fruto de seu suor, mas é o cansaço de sua alma, e apenas Jesus pode aliviar, só Ele pode te dar o perdão para você ficar livre de toda culpa. Só Ele pode apagar seus pecados. Querida ovelha, não adianta você correr de um lado para outro, ser bem-sucedida financeiramente ou ter saúde física, porque, se seu espírito não estiver ligado ao espírito de Deus, por meio de Jesus, não adianta, você não conseguirá viver plenamente com o cansaço espiritual.

O Senhor termina dizendo: “Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”. O jugo é quando dois animais andam juntos, bois e cavalos, e se coloca o jugo, ou seja, a canga, um ligado ao outro para que se possa fazer uma única tarefa.

Desse modo, o jugo de Jesus é suave. Porém, alguns pensam que, se forem cristãos de verdade, perderão o prazer da vida, não terão mais colorido algum, além de dizerem que é difícil seguir os mandamentos da Bíblia. Ao contrário, sua vida só será vida quando você estiver caminhando com Jesus.

O resto é apenas o resto. E, quando você seguir os mandamentos, é que ficará livre desse peso. Lembre-se de que somente Jesus poderá mudar isso a partir do momento em que você se voltar para Ele e se converter.

Não é o fato de você conhecer Jesus em seu intelecto, mas o de tê-lo em sua vida reinando. Então, será isso que fará toda a diferença. Deus os abençoe!.

Porque o meu fardo é leve?

Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Quando estou fraco é que sou forte?

Outras versões da Bíblia – Por isso, por amor de Cristo, regozijo-me nas fraquezas, nos insultos, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias. Pois, quando sou fraco é que sou forte. – Versão NVI (Nova Versão Internacional) Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo.

  • Porque quando estou fraco, então é que sou forte;
  • – Versão AA (Almeida Revisada Imprensa Bíblica) Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias, por amor de Cristo;

Porque, quando estou fraco, então, sou forte. – Versão ARC (Almeida Revista e Corrigida) Eu me alegro também com as fraquezas, os insultos, os sofrimentos, as perseguições e as dificuldades pelos quais passo por causa de Cristo. Porque, quando perco toda a minha força, então tenho a força de Cristo em mim.

Porque a minha palavra não volta vazia?

Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.

O que se renova a cada manhã?

Quem Nao Vem Pelo Amor Vai Pela Dor Pela manhã tudo se renova, sua força, sua alegria, um sorriso. A cada manhã que a Sua oração a Deus seja sincera, verdadeira, pois Ele ouve a Sua voz. Pois ao estar de pé possamos lembrar a cada dia: ” O Senhor me Sustenta”. Salmos 3. 5;5. Davi Adicionar à coleção.

Porque as suas misericórdias não tem fim?

1 Eu sou aquele homem que viu a aflição pela vara do seu furor. 2 Ele guiou-me e levou-me às trevas e não à luz. 3 Deveras se voltou contra mim e voltou a sua mão contra mim todo o dia. 4 Fez envelhecer a minha carne e a minha pele, quebrantou os meus ossos.

5 Edificou contra mim, e me cercou de fel e aflição. 6 Assentou-me em lugares tenebrosos, como os que estavam mortos há muito. 7 a Cercou-me de sebe, e não posso sair; agravou os meus grilhões. 8 Ainda quando clamo e grito, ele exclui a minha oração.

9 Cercou de sebe os meus caminhos com pedras lavradas, fez tortuosas as minhas veredas. 10 Fez-se-me como urso de emboscada, um leão em esconderijos. 11 Desviou os meus caminhos, e fez-me em pedaços; deixou-me assolado. 12 Armou o seu arco, e me pôs como alvo à flecha.

  • 13 Fez entrar nos meus rins as flechas da sua aljava;
  • 14 Fui feito um objeto de escárnio a todo o meu povo, de canção sua, todo o dia;
  • 15 Fartou-me de amarguras, embriagou-me de absinto;
  • 16 Quebrou com cascalho os meus dentes; abaixou-me na cinza;

17 E afastaste da paz a minha alma; esqueci-me do bem. 18 Então disse eu: Já pereceu a minha força, como também a minha esperança no Senhor. 19 Lembra-te da minha aflição e do meu pranto, do absinto e do fel. 20 Minha alma certamente disso se lembra, e se abate em mim.

  • 21 Disso me recordarei no meu coração; por isso esperarei;
  • 22 As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos; porque as suas misericórdias não têm fim;
  • 23 Novas são cada manhã; grande é a tua fidelidade;

24 A minha porção é o Senhor , diz a minha alma; portanto, esperarei nele. 25 a Bom é o Senhor para os que b esperam por ele, para a alma que o c busca. 26 Bom é a esperar , e aguardar em silêncio a salvação do Senhor. 27 Bom é para o homem a levar o jugo na sua b mocidade.

  • 28 Assentar-se-á solitário, e ficará em silêncio; porquanto Deus o pôs sobre ele;
  • 29 Porá a sua boca no pó, dizendo: Porventura haverá esperança;
  • 30 Dará a sua a face ao que o fere; fartar-se-á de b afronta;

31 Porque o Senhor não rejeitará para sempre. 32 Antes, se entristeceu alguém, a compadecer-se-á dele, segundo a grandeza das suas misericórdias. 33 Porque de bom grado não a aflige nem entristece os filhos dos homens. 34 Esmagar debaixo dos seus pés todos os presos da terra, 35 Perverter o direito do homem perante a face do Altíssimo, 36 Subverter o homem na sua causa, não são do agrado do Senhor.

37 Quem é aquele que diz, e assim acontece, quando o Senhor não o mande? 38 Porventura da boca do Altíssimo não saem o mal e o bem? 39 De que se queixa, pois, o homem vivente? Queixe-se cada um dos seus pecados.

40 Esquadrinhemos os nossos caminhos, e investiguemo-los, e a voltemos para o Senhor. 41 a Levantemos o nosso coração com as mãos para Deus nos céus, dizendo: 42 Nós transgredimos, e fomos rebeldes; por isso tu não perdoaste. 43 Cobriste- nos da tua ira, e nos perseguiste; a mataste , não perdoaste.

44 Cobriste-te de nuvens, para que não passe a nossa oração. 45 Por escória e refugo nos puseste no meio dos povos. 46 Todos os nossos a inimigos abriram contra nós a sua boca. 47 Temor e cova vieram sobre nós, assolação e destruição.

48 a Torrentes de águas derramaram os meus olhos pela destruição da filha do meu povo. 49 Os meus olhos choram, e não cessam, porquanto não há descanso, 50 Até que o Senhor atente e veja desde os céus. 51 Os meus olhos entristecem a minha alma, por causa de todas as filhas da minha cidade.

52 Como ave me caçaram os que, sem causa, são meus inimigos. 53 Arrancaram a minha vida na masmorra, e lançaram pedras sobre mim. 54 Derramaram-se as águas sobre a minha cabeça; eu disse: Estou perdido. 55 Invoquei o teu nome, Senhor , desde a mais profunda cova.

56 Ouviste a minha voz; não escondas o teu ouvido ao meu suspiro, ao meu clamor. 57 Tu te a achegaste no dia em que te invoquei; disseste: Não temas. 58 Pleiteaste, Senhor, as causas da minha alma, remiste a minha vida. 59 Viste, Senhor , a injustiça que me fizeram; julga a minha causa.

You might be interested:  O Que Serve Para Dor De Barriga?

60 Viste toda a sua vingança, todos os seus pensamentos contra mim. 61 Ouviste a sua afronta, Senhor , todos os seus pensamentos contra mim, 62 Os lábios dos que se levantam contra mim e as suas a imaginações contra mim todo o dia.

63 Observa- os ao assentarem-se e ao levantarem-se; eu sou a sua canção. 64 Dá-lhes recompensa, Senhor , conforme a obra das suas mãos. 65 Dá-lhes dureza de coração, maldição tua sobre eles. 66 Na tua ira persegue-os, e destrói-os de debaixo dos céus do Senhor .

Porque é que Deus permite o sofrimento?

Nossa estadia na Terra inclui experiências desagradáveis como doenças, solidão, acidentes, calamidades, injustiça e morte. A vida nem sempre parecerá “justa”. A maioria de nós já perguntou num ou outro momento por que Deus permite que aconteçam coisas más a pessoas inocentes.

  1. É o evangelho que nos ajuda a compreender a necessidade da oposição;
  2. Se compreendermos o plano de salvação e encararmos nossas experiências com uma perspetiva eterna, compreenderemos e aceitaremos as lições da mortalidade como necessárias para o crescimento espiritual;

Reconhecemos que somos abençoados com o arbítrio de escolher como reagir a essas lições.   Em 1995, o Élder Spencer W. Kimball, na época membro do Quórum dos Doze Apóstolos , respondeu a essa pergunta num discurso intitulado “Tragédia ou Destino?” O Élder Kimball enumerou diversas tragédias e depois fez as seguintes perguntas: “Será que foi o Senhor que pilotou o avião de encontro à montanha para pôr fim à vida dos passageiros ou houve defeitos mecânicos ou falhas humanas? Será que foi o Pai Celestial que causou o choque em cadeia de vários carros que levou seis pessoas para a eternidade ou foi culpa do condutor que ignorou as normas de segurança? Será que foi Deus que tirou a vida da jovem mãe, atirou a criança no canal e conduziu a outra criança para a frente do carro? Será que foi o Senhor que levou o homem a sofrer um ataque de coração? A morte do missionário teria sido prematura?” (Faith Precedes the Miracle , p.

96) Então, ele continuou: “Respondam, se puderem. Eu não posso, pois embora eu saiba que Deus desempenha um papel primordial em nossa vida, não sei até que ponto ele provoca ações ou meramente as permite.

Ainda que eu desconheça a resposta para essa pergunta, há outra indagação da qual tenho certeza. O Senhor poderia ter evitado essas tragédias? A resposta é afirmativa. Ele é onipotente, com todo poder para controlar nossa vida, livrar-nos de dores, evitar todos os acidentes, conduzir em segurança todos os aviões e carros, alimentar-nos, proteger-nos, poupar-nos de trabalho penoso, esforços, doenças e mesmo a morte, se Ele assim desejar.

  • Entretanto, não o faz;
  • ) A lei básica do evangelho é (;
  • ) o arbítrio e o progresso eterno;
  • Se Ele nos forçasse a ser cuidadosos ou dignos, anularia essa lei fundamental e impossibilitaria o crescimento;
  • ) Se considerássemos a vida mortal a totalidade da existência, as dores, fracassos e morte precoce seriam uma calamidade;

Mas se encararmos a vida como algo que começou há muito no passado pré-mortal e vai prolongar-se por toda a eternidade, então todas as coisas que nos acontecerem poderão ser compreendidas com a perspetiva correta. Assim, não seria sábio que Ele nos desse provações para superarmos, responsabilidades para desempenharmos, trabalho para fortificar nossos músculos, tribulações para provar nossa alma? Não deveríamos ser expostos às tentações para testar nossa força, às enfermidades para aprendermos paciência, à morte para sermos imortalizados e glorificados? Se todos os doentes por quem orássemos fossem curados, se todos os justos fossem protegidos e os iníquos exterminados, todo o programa do Pai seria anulado e os princípios básicos do evangelho, (.

  • ) como o arbítrio, seriam destruídos;
  • Ninguém precisaria viver pela fé;
  • Se a alegria, a paz e as bênçãos fossem concedidas instantaneamente a quem fizesse o bem, não haveria o mal — todos fariam o bem, mas não pelo motivo correto;

Nossa força não seria provada, não desenvolveríamos o caráter, nosso poder não cresceria, (. ) não haveria arbítrio, apenas controle satânico. Caso todas as orações fossem respondidas imediatamente de acordo com nossos desejos egoístas e compreensão limitada, haveria pouco ou nenhum sofrimento, tristeza, deceção ou mesmo morte.

E se isso não existisse, tampouco haveria alegria, sucesso, ressurreição, vida eterna nem deidade. ” (Faith Precedes the Miracle, pp. 96–97) É verdade que algumas pessoas culpam o Pai Celestial por não evitar que coisas ruins sobrevenham a nós e nossos entes queridos.

Algumas até se tornam amargas. Mas depois que atravessarmos os portais da morte e virmos tudo com a perspetiva eterna, certamente O louvaremos por Sua misericórdia, amor e sabedoria por permitir precisamente aquelas experiências, cujo propósito foi ajudar-nos a atingir nosso potencial eterno e tornar-nos como Ele é.

Como é a dor da alma?

A dor causada pela depressão e pela ansiedade é diferente de uma dor de cabeça ou de uma dor decorrente, por exemplo, de um tombo: ela dói, metaforicamente, lá no fundo da alma. E o pior é que essa dor, de acordo com especialistas e com a Organização Mundial de Saúde (OMS), só tende a aumentar.

O que fazer para aliviar a dor da alma?

O que é sentir a dor do outro?

Quero ajudar – Um amigo Por mais triste e desolador que seja o sentimento alheio, colocar-se ali ao seu lado é a forma mais poderosa de entender seu sofrimento e ajudar Por 04/02/2016 Quem Nao Vem Pelo Amor Vai Pela Dor A empatia é um sentimento poderoso: traz conexão, entendimento da perspectiva do outro, evita o julgamento, reconhece a emoção e interage com ela. Empatia é sentir com as pessoas (e não apenas pelas pessoas), colocar-se no seu lugar, por mais triste e escuro que ele seja. É saber ouvir o que alguém sente , sentir sua dor e dizer: você não está sozinho, eu estou aqui. É difícil porque para se conectar com a dor do outro, é preciso se conectar a nossa, reconhecê-la em nós.

Isso não é fácil, e por isso mesmo tentamos, sem perceber, minimizar o sentimento alheio: dizer que vai passar, que o tempo vai curar ou qualquer alternativa paliativa é a nossa forma automática de “enxergar o lado bom” e de nos protegermos.

O que temos que aprender é que dificilmente teremos uma resposta para fazer a pessoa enlutada se sentir melhor naquele momento. O que pode ajudá-la é, simplesmente, estar lá para ela. Totalmente conectados. Uma das narrativas mais simples e comoventes a respeito da empatia está nesta animação, apresentada em uma palestra TED pela psicóloga americana Brené Brown.

0
Adblock
detector