Dor No Pescoço Que Sobe Para Cabeça?

Dor No Pescoço Que Sobe Para Cabeça
Dor no pescoço causa dor de cabeça? Mais do que responder essa pergunta, neste artigo compartilharemos quais condições podem levar a essa combinação de sintomas. Embora normalmente não seja um problema grave, tendo relação com situações comuns como excesso de tensão e estresse emocional, o quadro deve ser investigado, em especial se for recorrente.

Leia também: Dor no pescoço: causas, tipos e quando se preocupar A dor que se desenvolve no pescoço e pode causar dor na cabeça é chamada de cefaleia cervicogênica. Na maioria dos casos, as dores de cabeça cervicogênicas se desenvolvem em um lado da cabeça, começando na parte de trás e irradiando para a frente.

É um mal que acomete milhões de pessoas, um incômodo que muitas vezes pode incapacitar as atividades habituais no dia a dia, impedindo o indivíduo de conseguir estudar, trabalhar e praticar esportes. Descubra a seguir o que pode está por trás dessa combinação de sintomas e ainda quais são os sinais de que se deve procurar ajuda médica. .

O que pode ser dor no pescoço que irradia para a cabeça?

Dores de Cabeça Cervicogênicas – Dores de cabeça cervicogênicas são dores de cabeça secundárias, ou seja aquelas causadas por uma condição subjacente, como lesões no pescoço, infecções ou pressão alta grave. A dor causada por uma dor de cabeça cervicogênica começa no pescoço e na parte de trás da cabeça e irradia para a frente da cabeça.

Quais os sintomas do nervo do pescoço inflamado?

Quando se preocupar com a dor no pescoço?

O que significa dores no pescoço é na cabeça?

A dor no pescoço pode estar associada a uma compressão dos nervos no pescoço, o que pode provocar dormência, fraqueza ou sensação de formigamento na mão e no braço. A dor no pescoço também pode ser acompanhada por sensações de rigidez nos músculos, espasmos e dor de cabeça.

Como e a dor no pescoço de infarto?

Sintomas de infarto em homens – Dor torácica: um dos sintomas mais comuns em homens, pode ocorrer no centro do peito ou no sentido direita-esquerda. Vem acompanhada por sensação de pressão forte. Dor nos braços: os braços, ombros e cotovelos podem ficar doloridos, bem como o pescoço e até mesmo as costas.

Fadiga: cansaço excessivo sem explicação pode ser anúncio de que um infarto está prestes a acontecer. Tosse: a tosse acontece pelo acúmulo de fluidos nos pulmões e também pode sinalizar a condição. Batimentos cardíacos rápidos e irregulares: também são sinais conhecidos de infarto, principalmente se forem acompanhados de fraqueza, tontura e dificuldades para respirar.

Suor frio: acontece de forma repentina sem nada que explique o seu surgimento. Inchaço: pés, tornozelos, abdômen e pernas inchados podem ser alertas de risco para um infarto. Dificuldade para respirar e falta de ar: distúrbios respiratórios também ser prenúncios do problema.

O que a ansiedade causa no pescoço?

Graduada em Psicologia, especialização em Psicanálise Clínica na Associação Brasileira de Psicanálise, extensão Sujeitos. i Respondido em 29 de junho de 2015 A ansiedade pode fazer com que você contraia músculos do corpo e assim podem causar mal estar no pescoço, no peito e em outros lugares do corpo.

O que fazer com nervo do pescoço inflamado?

Qual o melhor relaxante muscular para dor no pescoço?

Remédios – Os remédios para torcicolo são normalmente indicados pelo médico quando o tratamento com pomada ou emplastro não é indicado. Assim, pode ser recomendado o uso de remédios, por via oral, com propriedade anti-inflamatória, como o Ibuprofeno e o Diclofenaco, ou analgésica, como o Paracetamol e a Dipirona.

Em alguns casos, pode ser também indicado o uso de relaxantes musculares. Confira algumas opções de relaxante muscular. Além deste medicamentos, existem também opções naturais para lidar com o desconforto causado pelo torcicolo como massagem, fisioterapia ou exercícios que podem ser feitos em casa.

Assista o vídeo seguinte e confira algumas dicas que podem acabar com o torcicolo em um dia: .

Estou com muita dor no pescoço o que pode ser?

Dor no pescoço: o que é? – A dor no pescoço é a dor localizada na região cervical e que pode irradiar para a coluna torácica e ombros. Em grande parte dos casos, a dor no pescoço pode estar associada à tensão muscular que pode ser provocada por má postura, estresse, trabalhar por muitas horas em uma só posição ou dormir de maneira desconfortável.

Em outras situações, no entanto, a dor no pescoço pode indicar infecções, hérnia de disco cervical, ou até mesmo meningite e câncer de pescoço. Por isso, é preciso atenção, pois se a dor persistir por longo prazo, é necessário buscar a avaliação de um médico para analisar qual é o real motivo e iniciar um tratamento.

Conheça a seguir as principais causas da dor.

O que pode causar dor no nervo do pescoço?

A dor no pescoço é muito comum e geralmente não há motivo para preocupação. Os músculos tensos costumam ser os culpados, por exemplo, depois de trabalhar no computador por muito tempo, ser exposto a uma corrente de ar frio ou dormir em uma posição inadequada.

You might be interested:  O Que É Bom Para Dor De Barriga De Bebê?

Mas, em muitos casos, não há uma causa clara. 1 Comumente a dor desaparece em cerca de uma a duas semanas. Em algumas pessoas, ela volta em certas situações, como depois do trabalho ou esportes intensivos.

Se os sintomas durarem mais de três meses, é considerada uma dor cervical crônica. Um dos fatores que frequentemente levam a isso é o estresse psicológico. 1 Existem dois tipos básicos de dor no pescoço: 1

  • Dor axial: é sentida principalmente na parte da coluna que pertence ao pescoço (coluna cervical) e às vezes se espalha para os ombros.
  • Dor radicular: irradia ao longo dos nervos – por exemplo, sobe pela nuca ou desce para um dos braços. Esse tipo de dor frequentemente é causado por nervos irritados – por exemplo, porque um dos discos da coluna vertebral na região do pescoço mudou e está pressionando um nervo. Isso também pode afetar os reflexos do braço e a força muscular ou resultar em uma sensação de formigamento.

Muito raramente a dor no pescoço é um sinal de uma condição mais séria ou de uma emergência, mas a atenção médica urgente é importante se ocorrer alguma das seguintes situações: 1

  • Após um acidente;
  • Torcicolo;
  • Perda de controle da bexiga ou intestino;
  • Dor de cabeça junto com náusea, vômito, tontura ou sensibilidade à luz;
  • Dor constante, esteja você em repouso ou em movimento;
  • Perda de peso inexplicável, febre ou calafrios;
  • Problemas nervosos e sinais de paralisia, como formigamento ou dificuldade em mover o braço ou os dedos.

Outros sintomas que requerem atenção médica incluem formigamentos persistentes, “adormecimento” frequente das mãos ou pernas, fraqueza nas pernas e dificuldade em manter o equilíbrio ao caminhar. 1 Causas 1 A dor no pescoço pode ser causada por diversos motivos, que incluem:

  • Músculos do pescoço fracos e sobrecarregados: por exemplo, ficar sentado diante de uma mesa por um longo tempo – especialmente em posições inadequadas com músculos ligeiramente tensos – pode causar dor e rigidez na região do pescoço ou ombros e, às vezes, dores de cabeça. Atividades que envolvem inclinar a cabeça para trás contra o pescoço, como pintar o teto ou certos esportes, como andar de bicicleta ou nadar com a cabeça em uma posição fixa, também podem causar problemas musculares na região.
  • Desgaste da coluna cervical: ao longo da vida, vários sinais normais de desgaste surgem na coluna. Os discos vertebrais tornam-se mais achatados e pequenos crescimentos ósseos (esporas) podem se formar ao longo das bordas dos corpos vertebrais (a parte frontal dos ossos na coluna). Isso é chamado de osteocondrose. A osteoartrite das articulações entre as vértebras do pescoço é chamada de espondilose cervical.
  • Lesão cervical: pode ocorrer se alguém bater na traseira do seu carro em um acidente de trânsito, por exemplo. O impacto da colisão faz com que a cabeça se mova rapidamente para a frente e depois volte para trás. Isso geralmente causa pequenas lesões no músculo e no tecido conjuntivo, músculos tensos doloridos e dificuldade para mover a cabeça por vários dias. Os sintomas normalmente desaparecem por completo após um curto período.
  • Estreitamento do canal vertebral ou hérnia de disco: se o canal vertebral for muito estreito, ou se o tecido do disco vertebral inchar ou vazar e colocar pressão em uma raiz nervosa, pode causar dor no pescoço que irradia para o ombro ou braço. Um disco deslocado pode causar sintomas, mas nem sempre isso ocorre.

A dor no pescoço às vezes também vem de condições inflamatórias da coluna, problemas nas articulações da mandíbula ou fortes dores de cabeça. Nem sempre é possível encontrar uma causa clara para a dor no pescoço: os ossos, tendões e nervos da coluna cervical geralmente estão muito próximos para ser capaz de determinar com exatidão o que causou os sintomas. Se nenhuma causa em especial for encontrada, os médicos se referem à dor como inespecífica.

  • Essas alterações podem dificultar a movimentação do pescoço, mas raramente causam dor por conta própria;
  • Na maioria dos casos, é difícil determinar o que provocou a dor no pescoço se ela for crônica;
  • Como aliviar 1 Algumas pessoas que têm dor no pescoço evitam praticar atividades físicas por medo de piorar as coisas ou de se machucar;

Mas não há razão para se preocupar, desde que não surjam sinais de alerta de problemas mais sérios. É até uma boa ideia permanecer ativo e continuar como de costume, apesar da dor. Os exercícios direcionados ao pescoço podem ajudar a prevenir a dor no local.

Não há pesquisas suficientes sobre a eficácia da maioria dos tratamentos para dores não específicas no pescoço. Aquecer a região com bolsa de água quente ou almofada térmica é uma maneira fácil de tentar reduzir a dor.

Outros tratamentos incluem exercícios de alongamento e fortalecimento, massagens e analgésicos. Pessoas com dor crônica intensa podem se beneficiar das terapias complementares. Isso é oferecido por médicos ou psicoterapeutas especializados em ajudar pacientes com dores intensas ou de longa duração.

  1. As terapias complementares podem auxiliar a controlar a dor de forma que ela não domine mais a vida cotidiana;
  2. A cirurgia só é considerada se uma causa clara for encontrada e o procedimento puder ajudar;

Pode ser uma opção, por exemplo, se o tecido do disco espinhal estiver comprimindo ou “beliscando” um nervo. Mas os discos desfeitos geralmente melhoram por conta própria, de modo que o procedimento não traz grandes benefícios. A cirurgia da coluna vertebral na região do pescoço também traz riscos, por isso é importante considerar cuidadosamente as vantagens e desvantagens da operação antes de decidir.

Dor no pescoço é sintoma de COVID-19? Dentre os sintomas da COVID-19 estão as dores musculares ou no corpo, além de tosse, falta de ar ou dificuldade de respirar, febre ou calafrios, vômitos ou diarreia e perda de paladar ou olfato.

You might be interested:  Dor No Menisco O Que Fazer?

2 Qual é o melhor travesseiro para dor no pescoço? Se você sofre com dores no pescoço e na lombar, é indicado dormir de lado (decúbito lateral) utilizando um travesseiro da altura da cabeça aos ombros, que deve ser trocado a cada 3 ou 4 anos. Para evitar compressão do nervo dos membros inferiores e alinhar a pelve, também é indicado usar um travesseiro entre as pernas.

O que é hérnia de disco no pescoço?

O que é uma hérnia de disco cervical? A hérnia de disco cervical é a saída de material do núcleo do disco para fora dos limites do disco intervertebral. Este disco que sai (extrusão discal) pode tocar e causar compressão da medula espinhal e dos nervos da coluna cervical que vãos para os braços e mãos, causando dor.

Quais são as doenças que dá no pescoço?

Quando a dor na nuca e preocupante?

​A dor na nuca normalmente é causada por excesso de tensão muscular, principalmente devido a má postura ou situações de estresse e ansiedade. É comum que surja também a sensação de pescoço rígido e que dor possa se espalhar para ambos os lados da nuca. No entanto, a dor na nuca também pode ser um sinal de problemas mais graves, como meningite, pressão alta ou aneurisma, especialmente se for muito intensa, não melhorar com o passar do tempo ou for acompanhada de outros sintomas como febre, dor no peito, mal estar geral ou palpitações.

Em qualquer caso, sempre que existir suspeita que a dor na nuca possa ser uma situação mais séria é recomendado consultar um clínico geral para que ele peça exames, indique a possível causa na dor na nuca e inicie o tratamento adequado.

O médico poderá ainda orientar o paciente para um cardiologista, em caso de pressão alta, ou um ortopedista quando dor é provocada por doenças na coluna ou problemas musculares, por exemplo. Dor No Pescoço Que Sobe Para Cabeça As principais causas de dor na nuca são:.

Como e a dor de cabeça de derrame?

Tipos de dor de cabeça que podem ser sinal de AVC – Algumas dores de cabeça podem ser motivo de atenção especial, pois podem indicar o surgimento de um derrame cerebral. Conheça quatro tipos de dor de cabeça que podem ser sinal de AVC. Quanto antes forem tratados os casos de derrame cerebral, maiores são as chances de salvar vidas e evitar sequelas.

  • Dores incomuns – normalmente, as pessoas já tiveram dor de cabeça em algum momento da vida, mas quando essa dor for diferente de todas as que já sentiu, tenha atenção. Apesar de não necessariamente se tratar de algo grave – pode ser em função de atitudes corriqueiras, como falta de alimentação, estresse e má postura, por exemplo –, ela pode, sim, ser sintoma de AVC. Portanto, para uma avaliação adequada e urgente, busque atendimento médico rapidamente.
  • Dores súbitas – quando surge uma dor de cabeça sem motivos aparentes, de forma inesperada e em geral de forte intensidade, isso é sinal de atenção. Afinal, ela pode indicar a distensão ou ruptura de um aneurisma, que pode ser uma das causas do AVC. Busque o quanto antes atendimento médico.
  • Dores de cabeça associadas a sintomas incomuns – dores de cabeça que chegam a provocar mudanças na visão, dificuldades na fala, fraqueza nos músculos, dificuldade de andar, convulsões ou confusão mental são sintomas perigosos que podem indicar a presença de AVC. A recomendação é buscar um pronto-socorro imediatamente.
  • Dores intensas e maus hábitos – ter dores de cabeça intensas e histórico de maus hábitos pode indicar risco de se ter um AVC. Entres os fatores que predispõem a doença estão: tabagismo, diabetes, sedentarismo, pressão alta , estresse e consumo excessivo de bebidas alcoólicas. O melhor caminho para evitar doenças é a prevenção aliada à adoção de um estilo de vida saudável.

Quais os sintomas da artrose no pescoço?

O que pode ser uma dor no nervo do pescoço?

A dor no pescoço é muito comum e geralmente não há motivo para preocupação. Os músculos tensos costumam ser os culpados, por exemplo, depois de trabalhar no computador por muito tempo, ser exposto a uma corrente de ar frio ou dormir em uma posição inadequada.

Mas, em muitos casos, não há uma causa clara. 1 Comumente a dor desaparece em cerca de uma a duas semanas. Em algumas pessoas, ela volta em certas situações, como depois do trabalho ou esportes intensivos.

Se os sintomas durarem mais de três meses, é considerada uma dor cervical crônica. Um dos fatores que frequentemente levam a isso é o estresse psicológico. 1 Existem dois tipos básicos de dor no pescoço: 1

  • Dor axial: é sentida principalmente na parte da coluna que pertence ao pescoço (coluna cervical) e às vezes se espalha para os ombros.
  • Dor radicular: irradia ao longo dos nervos – por exemplo, sobe pela nuca ou desce para um dos braços. Esse tipo de dor frequentemente é causado por nervos irritados – por exemplo, porque um dos discos da coluna vertebral na região do pescoço mudou e está pressionando um nervo. Isso também pode afetar os reflexos do braço e a força muscular ou resultar em uma sensação de formigamento.

Muito raramente a dor no pescoço é um sinal de uma condição mais séria ou de uma emergência, mas a atenção médica urgente é importante se ocorrer alguma das seguintes situações: 1

  • Após um acidente;
  • Torcicolo;
  • Perda de controle da bexiga ou intestino;
  • Dor de cabeça junto com náusea, vômito, tontura ou sensibilidade à luz;
  • Dor constante, esteja você em repouso ou em movimento;
  • Perda de peso inexplicável, febre ou calafrios;
  • Problemas nervosos e sinais de paralisia, como formigamento ou dificuldade em mover o braço ou os dedos.

Outros sintomas que requerem atenção médica incluem formigamentos persistentes, “adormecimento” frequente das mãos ou pernas, fraqueza nas pernas e dificuldade em manter o equilíbrio ao caminhar. 1 Causas 1 A dor no pescoço pode ser causada por diversos motivos, que incluem:

  • Músculos do pescoço fracos e sobrecarregados: por exemplo, ficar sentado diante de uma mesa por um longo tempo – especialmente em posições inadequadas com músculos ligeiramente tensos – pode causar dor e rigidez na região do pescoço ou ombros e, às vezes, dores de cabeça. Atividades que envolvem inclinar a cabeça para trás contra o pescoço, como pintar o teto ou certos esportes, como andar de bicicleta ou nadar com a cabeça em uma posição fixa, também podem causar problemas musculares na região.
  • Desgaste da coluna cervical: ao longo da vida, vários sinais normais de desgaste surgem na coluna. Os discos vertebrais tornam-se mais achatados e pequenos crescimentos ósseos (esporas) podem se formar ao longo das bordas dos corpos vertebrais (a parte frontal dos ossos na coluna). Isso é chamado de osteocondrose. A osteoartrite das articulações entre as vértebras do pescoço é chamada de espondilose cervical.
  • Lesão cervical: pode ocorrer se alguém bater na traseira do seu carro em um acidente de trânsito, por exemplo. O impacto da colisão faz com que a cabeça se mova rapidamente para a frente e depois volte para trás. Isso geralmente causa pequenas lesões no músculo e no tecido conjuntivo, músculos tensos doloridos e dificuldade para mover a cabeça por vários dias. Os sintomas normalmente desaparecem por completo após um curto período.
  • Estreitamento do canal vertebral ou hérnia de disco: se o canal vertebral for muito estreito, ou se o tecido do disco vertebral inchar ou vazar e colocar pressão em uma raiz nervosa, pode causar dor no pescoço que irradia para o ombro ou braço. Um disco deslocado pode causar sintomas, mas nem sempre isso ocorre.
You might be interested:  O Que Pode Ser Dor Embaixo Do Suvaco?

A dor no pescoço às vezes também vem de condições inflamatórias da coluna, problemas nas articulações da mandíbula ou fortes dores de cabeça. Nem sempre é possível encontrar uma causa clara para a dor no pescoço: os ossos, tendões e nervos da coluna cervical geralmente estão muito próximos para ser capaz de determinar com exatidão o que causou os sintomas. Se nenhuma causa em especial for encontrada, os médicos se referem à dor como inespecífica.

  • Essas alterações podem dificultar a movimentação do pescoço, mas raramente causam dor por conta própria;
  • Na maioria dos casos, é difícil determinar o que provocou a dor no pescoço se ela for crônica;
  • Como aliviar 1 Algumas pessoas que têm dor no pescoço evitam praticar atividades físicas por medo de piorar as coisas ou de se machucar;

Mas não há razão para se preocupar, desde que não surjam sinais de alerta de problemas mais sérios. É até uma boa ideia permanecer ativo e continuar como de costume, apesar da dor. Os exercícios direcionados ao pescoço podem ajudar a prevenir a dor no local.

  • Não há pesquisas suficientes sobre a eficácia da maioria dos tratamentos para dores não específicas no pescoço;
  • Aquecer a região com bolsa de água quente ou almofada térmica é uma maneira fácil de tentar reduzir a dor;

Outros tratamentos incluem exercícios de alongamento e fortalecimento, massagens e analgésicos. Pessoas com dor crônica intensa podem se beneficiar das terapias complementares. Isso é oferecido por médicos ou psicoterapeutas especializados em ajudar pacientes com dores intensas ou de longa duração.

As terapias complementares podem auxiliar a controlar a dor de forma que ela não domine mais a vida cotidiana. A cirurgia só é considerada se uma causa clara for encontrada e o procedimento puder ajudar.

Pode ser uma opção, por exemplo, se o tecido do disco espinhal estiver comprimindo ou “beliscando” um nervo. Mas os discos desfeitos geralmente melhoram por conta própria, de modo que o procedimento não traz grandes benefícios. A cirurgia da coluna vertebral na região do pescoço também traz riscos, por isso é importante considerar cuidadosamente as vantagens e desvantagens da operação antes de decidir.

Dor no pescoço é sintoma de COVID-19? Dentre os sintomas da COVID-19 estão as dores musculares ou no corpo, além de tosse, falta de ar ou dificuldade de respirar, febre ou calafrios, vômitos ou diarreia e perda de paladar ou olfato.

2 Qual é o melhor travesseiro para dor no pescoço? Se você sofre com dores no pescoço e na lombar, é indicado dormir de lado (decúbito lateral) utilizando um travesseiro da altura da cabeça aos ombros, que deve ser trocado a cada 3 ou 4 anos. Para evitar compressão do nervo dos membros inferiores e alinhar a pelve, também é indicado usar um travesseiro entre as pernas.

Qual o melhor relaxante muscular para dor no pescoço?

Tomar um analgésico ou relaxante muscular – Quando a dor é muito intensa, uma opção é tomar remédios anti-inflamatórios e analgésicos para aliviar as dores e o desconforto, como o Paracetamol ou o Ibuprofeno. Além disso, o Coltrax também pode ser usado para diminuir a dor no pescoço, pois é relaxante muscular, ajudando a diminuir a tensão sobre os músculos do pescoço.

O que pode ser dor na nuca e na cabeça?

Qual a diferença entre a dor de cabeça na nuca, topo e laterais? – É comum que as pessoas que sofrem com esse mal sintam dores em pontos diferentes da cabeça, que são causadas pelos mais variados motivos. A  enxaqueca , por exemplo, geralmente acomete a região das têmporas, em ambos os lados da cabeça, e costuma durar por longas horas.

Já a dor na região da testa e  topo do crânio  pode ser causada principalmente por motivos como estresse, tensão e hábitos pouco saudáveis, como o consumo excessivo de bebidas alcoólicas e café. A dor de cabeça na nuca também é extremamente comum em casos de excesso de tensão, normalmente provocada por situações como estresse emocional, ansiedade ou aumento da pressão arterial, por exemplo.

Geralmente, nestes casos também é possível sentir o pescoço mais rígido e uma dor em ambos os lados da nuca.

0
Adblock
detector