Dor No Estômago E Diarréia O Que Pode Ser?

Dor No Estômago E Diarréia O Que Pode Ser
Dor de estômago e diarreia podem causar muito desconforto intestinal, para não mencionar o constrangimento. As crises agudas de dor abdominal e fezes líquidas e soltas podem ser causadas por infecções virais, intoxicação alimentar ou indigestão. Outras condições digestivas, como síndrome do intestino irritável, doença celíaca ou distúrbios inflamatórios intestinais, podem causar dores estomacais crônicas e diarreia.

  • A dor de estômago severa pode parecer cólicas curtas e agudas que vêm e vão;
  • Ou a dor no estômago pode ser uma sensação constante e persistente de roedura no estômago;
  • Às vezes, passar fezes aquosas pode ajudar a aliviar a dor no estômago;

A diarreia pode ser gordurosa com pedaços de muco ou você pode notar diarreia com sangue. Dor No Estômago E Diarréia O Que Pode Ser Em alguns casos, você pode sofrer com diarreia ardente ou diarreia dolorosa, especialmente se você comer alimentos condimentados ou se tiver diarreia crônica. Geralmente, episódios agudos de dor de estômago e diarreia podem durar alguns dias se forem causados ​​por uma infecção. Se você começar a ter cólicas estomacais persistentes e diarreia, é melhor visitar o seu médico. Os sintomas de diarreia e dor de estômago, às vezes, podem ajudar a diagnosticar a causa exata.

O que fazer quando está com diarreia e dor no estômago?

Dores no estômago constituem uma ocorrência comum em pessoas de todas as idades. Algumas sofrem mais constantemente do que outras. Como se costuma dizer: “se você ainda não teve, um dia terá”. Isso é generalizado dessa forma porque as causas por trás dessas dores podem ser inúmeras.

  1. Por essa razão, é muito importante observar como essas dores aparecem, em que circunstâncias e se elas vêm acompanhadas de outros sintomas;
  2. Essas observações facilitam muito o entendimento da origem da dor;

Sendo assim, veja agora o que você precisa saber para entender melhor do que se trata quando elas surgirem: Possíveis causas de dores no estômago As dores no estômago podem ser oriundas de diversas causas. Veja quais são as principais:

  • Gastrite;
  • Úlcera péptica;
  • Pancreatite;
  • Colecistite;
  • Alguns medicamentos;
  • Câncer no estômago;
  • Dispepsia funcional.

O que você deve observar Como são muitas as causas de dores no estômago, uma maneira de identificar sua origem, ou pelo menos chegar mais próximo dela, é observar os sintomas que acompanhem as dores. Dor de estômago forte e constante Essa dor pode estar associada a distúrbios ocorrentes em outros órgãos. Assim, uma inflamação do pâncreas (pancreatite) ou uma inflamação da vesícula biliar (colecistite) podem estar provocando a dor sentida no estômago.

  1. Em qualquer dos casos, deve ser procurada a assistência médica, principalmente se a condição for incapacitante (impedir que a pessoa realize alguma atividade);
  2. Dor de estômago acompanhada de vômitos Muitas vezes, a dor seguida por vômitos pode ser uma úlcera ou uma gastrite;

Mas dependendo das circunstâncias em que ocorre, pode ser uma toxinfecção alimentar. Nesses casos, busque atendimento médico, sobretudo se o vômito for reincidente. Dor de estômago acompanhada de diarreia A dor de estômago acompanhada de diarreia muitas vezes é sintoma de gastroenterite (inflamação do estômago e dos intestinos).

  1. Em situações dessa natureza, deve-se ter o cuidado de manter o corpo muito bem hidratado para evitar o risco de uma desidratação;
  2. Portanto, é necessário ingerir bastante água e soro caseiro;
  3. Na ocorrência de outros sintomas (febre, calafrios, vômitos), também é recomendável buscar atendimento médico;
You might be interested:  Porque Menstruação Da Dor De Barriga?

Dor de estômago acompanhada de gases A ocorrência de gases associada à dor do estômago pouco tempo após a ingestão de alimentos pode ser resultado de uma má digestão provocada pela existência de gastrite. Também podem ocorrer desconfortos abdominais e arrotos. Nesse caso, podem ser tomadas algumas medidas como:

  • Limitar as refeições aos alimentos mais leves;
  • Eliminar refrigerantes e alimentos gordurosos;
  • Usar uma bolsa de água morna no local para reduzir o desconforto;
  • Beber água fria em pequenos goles;
  • Não ingerir medicação sem orientação médica.

No entanto, se houver persistência da dor, deve ser procurada assistência médica para um diagnóstico preciso e indicação do tratamento específico. Você acha que assim ficou mais fácil entender as dores no estômago? Ainda tem dúvidas? Deixe um comentário aqui no blog e conte para nós!.

Qual remédio tomar para diarreia e dor no estômago?

Os remédios para dor de barriga, como o Diasec ou o Diarresec, por exemplo, ajudam a diminuir os movimentos do intestino e, por isso, podem ser utilizados para ajudar a aliviar a dor de barriga, especialmente quando associada a diarreia.

Qual o problema de estômago e diarreia?

Gastroenterite – A gastroenterite é a causa mais comum de vômitos e diarreia e acontece quando há uma inflamação do intestino devido à infecção por vírus, bactérias ou parasitas que podem entrar no organismo por meio do consumo de água e alimentos contaminados, o que leva ao aparecimento de sintomas, como diarreia intensa, náuseas, vômitos e mal-estar geral.

  1. Saiba reconhecer os sintomas de gastroenterite;
  2. O que fazer: É importante que a pessoa fique em repouso e beba bastantes líquidos, o que ajuda a prevenir a perda excessiva de líquidos e sais minerais;
  3. Nos casos em que a diarreia é muito intensa e os vômitos são frequentes, é recomendado que a pessoa faça uso de sais de reidratação oral ou soro caseiro;

Além disso, é importante que se tenha uma alimentação leve, de fácil digestão, e que não faça uso de medicamentos que prendam o intestino.

Quando a dor de estômago e preocupante?

A dor no estômago é um sintoma muito comum e acontece principalmente devido à gastrite, sendo muitas vezes acompanhada por outros sintomas como vômitos, náuseas, sensação de queimação no estômago e gases. Além da gastrite, outras situações podem causar dor no estômago, como refluxo, presença de úlceras estomacais ou gastroenterite, por exemplo. Dor No Estômago E Diarréia O Que Pode Ser As principais causas de dor de estômago são:.

Quais os primeiros sinais de câncer no estômago?

Quando a diarreia é preocupante?

Quando procurar o médico? – Você deve procurar um médico quando os sinais e sintomas piorarem, quando notar sangue nas fezes e não conseguir se hidratar adequadamente apenas com líquidos por boca. De acordo com o Dr. Andrade, os sinais da desidratação são fraqueza, mãos geladas, tontura ao se levantar e frequência do coração aumentada.

  1. “Se a diarreia durar mais de 5 dias, seguida de dor abdominal, febre alta e estufamento da barriga também deve procurar um médico”;
  2. Também vale o alerta se você mora em alguma área com algum surto de doença infecciosa;

​​​​ Para marcar consult​as e exa​mes, ligue para 11 3147-9430. Veja outros temas: ​.

You might be interested:  Dor Nas Varizes O Que Fazer?

Quais são os sintomas de infecção no intestino?

Pode tomar omeprazol para dor de estômago?

  • Homepage
  • Doenças
  • Gastrite
  • Posso Tomar Omeprazol De Manhã Com Dor De Estômago Com Gastrite Ou Ulcera?

2 respostas Posso tomar Omeprazol de manhã com dor de estômago com gastrite ou ulcera? Sim, pode. Porém, não deve sem antes passar em consulta médica para uma avaliação. Medicação sem avaliação médica e diagnóstico pode mascarar quadros patológicos potencialmente graves, levando a perder a melhor oportunidade de tratamento.

Quanto tempo pode durar uma virose intestinal?

Quando tempo dura uma virose? – Em geral, as viroses respiratórias e gastrointestinais duram de três a dez dias.

O que fazer para aliviar a dor de estômago?

Tratamento para dor de estômago Tomar remédios como antiácidos ou anti inflamatórios, sob indicação médica; Evitar consumir bebidas alcoólicas e refrigerantes; Seguir uma dieta rica em vegetais, frutas, cereais integrais e carnes magras; Fazer algum tipo de atividade física com regularidade.

Quando o estômago dói o que pode ser?

Se houver sangue nas fezes e perda de peso, problema pode ser grave. Dor no estômago pode ser sintoma de refluxo, gastrite ou até mesmo câncer. – A dor de estômago pode ser um sintoma de vários problemas, como refluxo, gastrite, úlcera, pancreatite, colecistite, infarto e até mesmo câncer, como explicou o gastroenterologista Ricardo Barbuti no Bem Estar desta terça-feira (30).

  • Geralmente, essa dor aparece por causa de uma combinação de fatores e hábitos inadequados e, por isso, é possível preveni-la com mudanças simples na rotina e também observando pequenos sinais de alerta;

Um deles, por exemplo, é o despertar noturno – se a dor te faz acordar durante o sono, é um indício de que o problema pode ser grave e é hora de procurar um médico, como alertou o cirurgião do aparelho digestivo Fábio Atui. Outro problema que indica algo mais grave é a perda de peso – muitas vezes, ela acontece porque o paciente tem a percepção de que a comida pode aumentar a dor e, por isso, deixa de comer. Dor No Estômago E Diarréia O Que Pode Ser Em pessoas que já têm dor, existem três fatores que podem piorá-la: estresse, como foi o caso do jovem empresário Christian Barbosa, mostrado na reportagem do Phelipe Siani (veja no vídeo ao lado) , cigarro e a bactéria do estômago, a Helicobacter pylorii. De acordo com pesquisas, essa bactéria pode ser uma das principais causas de úlceras e gastrites e, por isso, grande parte dos tratamentos é feito com antibióticos. Segundo o cirurgião Fábio Atui, essa bactéria é mais recorrente em populações que têm maiores problemas sanitários.

Se houver sangue nas fezes ou no vômito, é mais um sinal de alerta, especialmente se for de uma cor mais escura. De acordo com o cirurgião Fábio Atui, esse sangue escuro nas fezes significa que veio da parte mais alta, ou seja, foi digerido e, por isso, não deve ser ignorado porque é também perigoso.

Para tratar a dor, muita gente costuma tomar chá de boldo, no entanto, não há trabalhos científicos suficientes que comprovem sua eficácia. De qualquer maneira, os médicos recomendam saber a procedência da planta e procurar um especialista para usar o chá com cautela para evitar overdose das substâncias presentes nele.

  • Em relação à alimentação, é importante que o cardápio seja leve e balanceado, pobre em gorduras e rico em carboidratos e derivados do leite, como batatas cozidas ou descascadas, purê de batata ou até mesmo sorvete de creme;

Além disso, é importante fracionar a dieta, evitar jejum prolongado e também grandes quantidades de comida, que podem alterar a acidez estomacal. Os médicos falaram também sobre o uso de antiinflamatórios. Assim como os outros remédios, eles também têm efeitos colaterais e, por isso, só devem ser usados quando forem realmente necessários.

You might be interested:  O Que Fazer Para Dor Na Coluna?

Isso porque esses medicamentos agem na corrente sanguínea e aumentam a acidez do estômago, o que pode piorar a dor. Por isso, caso o médico tenha receitado um antiinflamatório, é importante pedir também um protetor gástrico para reduzir a agressão.

*No vídeo ao lado, o cirurgião do aparelho digestivo Fábio Atui e o gastroenterologista Ricardo Barbuti respondem perguntas dos internautas sobre dor de estômago. Confira!.

Como saber se está com gastrite nervosa?

Qual o melhor remédio para aliviar dor no estômago?

Inibidores da produção de ácido Alguns exemplos desses remédios são os inibidores da bomba de prótons, como omeprazol, esomeprazol, lansoprazol ou pantoprazol, ou os antagonistas dos receptores da histamina, como cimetidina, nizatidina ou famotidina, por exemplo.

Como é a dor de uma gastrite?

Sintomas da gastrite – A dor da gastrite é circunscrita, começa na região epigástrica, logo abaixo do esterno, osso vertical situado na parte anterior do tórax. Na prática, a queixa é de dor na “boca do estômago” que pode irradiar-se para outras regiões do corpo e confundir-se até com a dor do infarto , por exemplo.

  • A dor da gastrite pode vir acompanhada de azia ou queimação, se houver retorno do suco gástrico por defeito no esfíncter, uma estrutura muscular que controla a comunicação entre esôfago e estômago;
  • A azia costuma piorar quando a pessoa se deita depois de refeição mais volumosa ou rica em gorduras;

Perda do apetite, náuseas e vômitos também são sintomas de gastrite, assim como a presença de sangue nas fezes e no vômito.

Quais os sintomas da bactéria H Pylori no estômago?

‘A infecção pelo H. pylori pode provocar sintomas como dor ou queimação epigástrica, náuseas e vômitos. Estes sintomas podem ser facilmente confundidos com gastrites de outras etiologias, além de esofagites e úlceras gastroduodenais’, informa o gastroenterologista Alexandre de Sousa Carlos.

O que fazer para cortar a diarreia?

O que ajuda a parar a diarreia?

​ Para parar a diarreia rapidamente, é recomendado consumir alimentos que sejam capazes de segurar o intestino, além de tomar bastantes líquidos, para repor a água e os sais minerais perdidos. Também é indicado consumir probióticos, pois ajuda a repor a microbiota intestinal mais rapidamente, parando a diarreia.

O que é bom para parar a dor de estômago?

Remédios de farmácia – Se a dor de estômago persistir ou for acompanhada de vômitos, desmaios ou tonturas, é importante consultar um gastroenterologista, que poderá prescrever um ou mais dos medicamentos a seguir, orientando a dosagem e o tempo de tratamento de acordo os sintomas e o problema a ser tratado:

  • Analgésicos: Medicamentos como, aspirina, dipirona ou paracetamol são analgésicos que atuam no sistema nervoso central, indicados para melhorar a dor no estômago;
  • Protetores gástricos: O sucralfato ou sais de bismuto são protetores gástricos que formam uma barreira, impedindo que o ácido do estômago danifique a parede do estômago e do esôfago, prevenindo a dor no estômago;
  • Antiácidos: Alguns antiácidos, hidróxido de magnésio, carbonato de cálcio, bicarbonato de sódio, ou hidróxido de magnésio neutralizam a acidez do estômago, tratando a dor, que é comum em gastrites, refluxo e úlceras;
  • Inibidores da produção de ácidos: O pantoprazol, lansoprazol e omeprazol, são medicamentos que diminuem a produção dos ácidos no estômago, aliviando sintomas como a dor e o desconforto em casos de úlcera, refluxo, ou gastrite. Já a cimetidina, inibe a produção de ácido, diminuindo a dor no estômago.

Além desses, alguns antibióticos, como claritromicina, amoxicilina e metronidazol combatem as bactérias responsáveis pela inflamação, podendo também ser prescritos para melhorar a dor no estômago causada por problemas como gastrite, úlcera ou infecção intestinal. Conheça outros remédios usados para combater a dor no estômago.

0
Adblock
detector