O Que Aconteceria Se Qualquer Tipo De Diabetes Fosse Descontrolado?

O Que Aconteceria Se Qualquer Tipo De Diabetes Fosse Descontrolado
A diabetes descompensada ou descontrolada é uma complicação da diabetes que acontece quando os níveis de glicose circulantes permanecem elevados, sendo mais frequente de acontecer nas pessoas que não fazem o tratamento de acordo com a indicação médica.

  1. A diabetes descompensada é um situação silenciosa, de forma que os sintomas só surgem quando a glicemia já está muito elevada, podendo haver vontade frequente para urinar, sede excessiva, aumento do apetite e perda de peso.
  2. Na presença desses sinais e sintomas, é fundamental que o médico seja consultado para que sejam iniciado o tratamento mais adequado para prevenir as complicações.

É possível evitar a diabetes descompensada através da realização do tratamento indicado pelo médico, em conjunto com uma alimentação saudável e rica em fibras e prática de atividade física de forma regular. Além disso, é fundamental que os níveis de glicose sejam medidos regularmente com o auxílio de um glicosímetro, assim é possível monitorar os níveis de glicose ao longo do dia. O Que Aconteceria Se Qualquer Tipo De Diabetes Fosse Descontrolado
Ver resposta completa

O que pode acontecer com diabetes descontrolada?

A diabetes é uma das doenças mais comuns do mundo. Quando identificada nos primeiros momentos, é possível tratá-la com medicação e mudança no estilo de vida, Porém, quando a glicose no sangue está muito alta, o paciente sofre com vários sintomas que podem impactar sua qualidade de vida.

  • Quando completamente descontrolada, a diabetes pode causar cetoacidose diabética, uma complicação que pode matar o paciente.
  • Nesses casos, sem insulina para viabilizar o processo de energia, as células do corpo acabam usando outras vias para se manter.
  • Esse processo acaba deixando o sangue muito ácido, evitando que várias reações químicas importantes aconteçam.

Nos portadores de diabetes tipo 2, pode causar infecção generalizada e levar o paciente à morte. A complicação é considerada aguda e grave, mas pode ser prevenida a partir da observação de alguns sintomas. Confira alguns indícios que o corpo dá quando os níveis de glicose no sangue estão descontrolados :
Ver resposta completa

O que é diabetes descontrolado?

O que é diabetes descompensada? – Diabetes descompensada ou descontrolada é um quadro que se caracteriza pela elevação da glicemia. Essa condição pode provocar uma perda de peso anormal.Além de sede excessiva, incontinência urinária e apetite além do comum.
Ver resposta completa

You might be interested:  Quem Tem Diabetes Pode Fazer Alongamento De Unha?

Quais são os perigos da diabetes?

Complicações do diabetes – A hipoglicemia pode causar mal-estar, fraqueza, desmaios, provocar coma e até ser fatal, se o paciente não for atendido. Por outro lado, o nível elevado de glicose também é perigoso. O excesso de açúcar causa danos aos vasos sanguíneos, o que eleva principalmente as chances de desenvolvimento de complicações cardiovasculares e renais.

  1. A falta de tratamento e de mudanças adequadas na rotina faz com que o nível de açúcar no sangue (glicemia) se mantenha elevado.
  2. Isso gera as complicações do diabetes.
  3. Em longo prazo, a hiperglicemia é tóxica para os órgãos, vasos sanguíneos e nervos, o que causa doenças como neuropatia (nervos), nefropatia (rins) e a retinopatia (olhos)” 4, explicou Roberto Raduan, coordenador do Departamento de Complicações Agudas e Hospitalares da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), em reportagem do portal UOL,

A hiperglicemia pode causar lesões em estruturas delicadas da visão. Entre as complicações, o paciente pode desenvolver o Edema Macular Diabético (EMD), caracterizado pela ruptura de barreira sanguínea e um espessamento na retina. A situação pode provocar perda de visão e cegueira 5,

Para conscientizar sobre esse tema, a Bayer desenvolveu um filtro na rede social Instagram que permite ter uma experiência virtual de simulação das complicações visuais. Confira essa experiência imersiva acessando este link a partir de um dispositivo móvel, ou procure o filtro “Bayer Oftalmologia” na galeria de efeitos do Instagram.

Leia também: cuidados com a saúde ocular previnem a deficiência visual,
Ver resposta completa

O que é diabetes silenciosa?

‘Na linguagem médica, a doença é chamada de silenciosa, porque não apresenta sintomas. E assim é com a diabetes, perigosa e silenciosa devido ao fato de muitas vezes não ter sintomas por um tempo.
Ver resposta completa

O que acontece quando a diabetes está muito alta?

O estado de normalidade da glicemia em jejum é de 70 mg/dl a 100 mg/ld. Uma pessoa é classificada como pré-diabética ao medir a sua glicemia em jejum e atingir entre 100 e 125 mg/dl. Já aqueles que atingem a partir de 126 mg/dl são considerados diabéticos.
Ver resposta completa

You might be interested:  Jogadores De Futebol Que Tem Diabetes?

O que pode acontecer quando o diabetes está muito alto?

Neuropatia Diabética Os nervos periféricos carregam as informações que saem do cérebro e as que chegam até ele, além de sinais da medula espinhal para o resto do corpo. Os danos a esses nervos, condição chamada de neuropatia periférica, fazem com que esse mecanismo não funciona bem.

  • A neuropatia pode afetar um único nervo, um grupo de nervos ou nervos no corpo inteiro.
  • A neuropatia costuma vir acompanhada da diminuição da energia, da mobilidade, da satisfação com a vida e do envolvimento com as atividades sociais.
  • Tanto as alterações nos vasos sanguíneos quanto as alterações no metabolismo podem causar danos aos nervos periféricos.

A glicemia alta reduz a capacidade de eliminar radicais livres e compromete o metabolismo de várias células, principalmente as dos neurônios. Cuidado com os pés Pessoas com diabetes podem apresentar feridas com difícil cicatrização devido aos níveis elevados de açúcar no sangue e/ou circulação sanguínea deficiente.

É uma das complicações mais comuns do diabetes mal controlado. Problemas arteriais e amputações A doença arterial periférica, que reduz o fluxo de sangue para os pés, ocasiona a redução da sensibilidade devido aos danos que a falta de controle da glicose causa aos nervos. Essas duas condições fazem com que seja mais fácil sofrer com úlceras e infecções, que podem levar à amputação.

No entanto, a maioria das amputações são evitáveis com:

Cuidados regulares de examinar diariamente os pés, principalmente entre os dedos; Utilizar calçados adequados; Evitar andar descalço; Inspecionar e palpar o interior dos sapatos; Usar cremes e hidratantes, exceto entre os dedos; Não cortar calos ou verrugas, não tirar cutículas ou cantos das unhas; Lavar diariamente os pés, secando-os, especialmente entre os dedos.

Problemas nos olhos Se você gerencia bem a taxa de glicemia, é bem provável que apresente problemas oculares de menor gravidade ou nem apresente. Isso porque quem tem diabetes está mais sujeito à cegueira, se não tratá-la corretamente. Fazendo exames regularmente e entendendo como funcionam os olhos, fica mais fácil manter essas complicações sob controle.

Glaucoma; Catarata; Retinopatia diabética.

Pele mais sensível Muitas vezes, a pele dá os primeiros sinais de que você pode estar com diabetes. Ao mesmo tempo, as complicações associadas podem ser facilmente prevenidas. Quem tem diabetes tem mais chance de ter pele seca, coceira e infecções por fungos e/ou bactérias, uma vez que a hiperglicemia favorece a desidratação – a glicose em excesso rouba água do corpo.

You might be interested:  Remedio Caseiro Para Diabetes Que Emagrece?

Alteração de humor, ansiedade e depressão Ao receber o diagnóstico de diabetes, muitas pessoas apresentam várias reações emocionais, como choque, negação, medo, raiva, tristeza e ansiedade. Isso é absolutamente normal. O mental e o emocional podem ser afetados com o diagnóstico de alguma doença crônica, como o diabetes.

Ansiedade Muitas pessoas com diabetes apresentam distúrbios de ansiedade. A má interpretação de alguns sintomas de hipoglicemia como sendo ansiedade pode prejudicar a rápida correção exigida pelas baixas taxas de glicemia. Depressão A depressão ocorre duas vezes mais em pessoas com diabetes do que na população em geral.

Ocorre em aproximadamente 20% das pessoas com diabetes tanto no tipo 1 quanto no tipo 2, sendo a taxa de depressão maior nas mulheres. Entretanto, a causa ainda é desconhecida. Provavelmente é o resultado da interação entre fatores psicológicos, físicos e genéticos. A contribuição de cada um desses fatores para a depressão varia para cada indivíduo.

As restrições alimentares, o tratamento, as hospitalizações e o aumento nas despesas podem ser estressantes para a pessoa com diabetes. bem como lidar com as complicações, podem contribuir para a depressão. Problemas sexuais Os problemas sexuais são muito comuns e tomam uma maior dimensão, influenciados por uma imagem exagerada vendida pela mídia.

Hoje, já há uma série de soluções para vários desses problemas, mas é preciso haver um diálogo franco com o médico. A saúde sexual também está diretamente relacionada às complicações do diabetes. Alguns problemas comuns são: disfunção erétil e problemas de ejaculação A disfunção sexual do diabetes também pode afetar as mulheres.

Altas taxas de glicose, lesões nos nervos, depressão e propensão a infecções genitais são alguns dos fatores que podem afetar a vida sexual da mulher com diabetes No diabetes, algumas complicações são críticas e podem levar à morte. Manter hábitos e estilos de vida saudáveis são a melhor forma de controlar e prevenir complicações da doença.
Ver resposta completa

0
Adblock
detector