O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho?

O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho
O que fazer para aliviar a dor quando coloca aparelho? Use analgésicos para aliviar o desconforto Se a dor foi muito forte, o uso de analgésicos como o paracetamol (Tylenol) pode oferecer algum alívio para o desconforto causado pelo aparelho.

Como aliviar a dor do aparelho nos dentes?

Quantos dias fica doendo o aparelho fixo nos dentes?

Por que é comum sentir dor após a manutenção do aparelho?  – O dente doendo depois da manutenção pode durar de 3 a 5 dias. Isso acontece porque a função do tratamento com o aparelho ortodôntico ou o aparelho autoligado é justamente alterar o formato da arcada dentária.

É normal sentir dor depois de colocar o aparelho?

Por que sinto dor? – Nos primeiros dias após a consulta, é normal o paciente sentir dor nos dentes , em decorrência da pressão que o aparelho ortodôntico faz. “São nesses primeiros dias que a força está ativa e a movimentação ocorre”, explica. A mastigação do paciente, nesse período, também pode ser dolorosa.

Pode tomar dipirona para aliviar dor de aparelho?

A dor causada pelo uso do aparelho ortodôntico e sua manutenção pode ser amenizada com algumas medidas para inibir esse tipo de desconforto. A dor bucal causada pelo uso do aparelho ortodôntico está relacionada à pressão sobre o ligamento ao redor do dente. Esse movimento ocasiona certo desconforto nos dias que sucedem a manutenção do aparelho. Porém, existem algumas medidas a serem tomadas para inibir esse tipo de desconforto. Confira no texto. O que é? Como aliviar a dor do aparelho? Quem já utilizou aparelho ortodôntico sabe o quanto a manutenção mensal pode ser dolorosa, e o quanto essa pergunta ecoa nestes momentos.

  1. Esse procedimento, muito importante para o alinhamento dentário, visa fazer correções pontuais e necessárias;
  2. Para isso, o dentista ajusta o aparelho nos dentes que precisam ser realinhados;
  3. Essa manutenção necessária pode causar incômodos variados;

Por estar sob pressão, o ligamento que circunda o dente irá sofrer um ligeiro deslocamento. Essa dinâmica é a principal responsável pela dor, sobretudo durante a mastigação nas refeições, podendo também ocorrer em repouso. Apesar do evidente desconforto, qualquer ortodontista reforça que essa dor é comum e faz parte do processo de remodelação óssea durante a movimentação dentária.

Esse incômodo pode refletir em outras regiões próximas à boca. É o caso da cervical e até mesmo da cabeça. O desconforto, nesse caso, também é relativo à mordida incorreta e à pressão do aparelho ortodôntico sobre os dentes, ainda, irregulares.

Felizmente, existem medidas a serem seguidas para aliviar a dor do aparelho. Você pode conferi-las a seguir. Formas para aliviar a dor Ingestão de alimentos macios : a mastigação é uma das principais causas desse tipo de desconforto. Por isso, optar por comidas moles nos três primeiros dias após a manutenção é uma forma eficaz de aliviar a dor do aparelho.

  • A dieta baseada em sopas, purês, iogurtes e vitaminas pode ser estendida até a diminuição da dor nos dentes, já que não exigem grandes esforços na mastigação;
  • Alívio por gelo : uma das maneiras mais certeiras para a diminuição do quadro de desconforto é chupar gelo;

Esse recurso é um analgésico natural que alivia dores e diminui inflamações. Alimentos gelados, como sorvetes, também contribuem significativamente para o bem-estar do paciente. Não consumir alimentos e bebidas ácidas : o ácido cítrico presente em alguns alimentos e bebidas propicia um aumento no desconforto, sobretudo quando há presença de feridas.

  • O contato do machucado com o ácido proporciona ardência e irritação;
  • Portanto, recomenda-se evitar esse tipo de ingestão durante os primeiros dias após a manutenção do ortodontista;
  • Uso de cera ortodôntica : a cera ortodôntica é uma grande aliada para proteger a boca de irritações e feridas ocasionadas pela adaptação ao aparelho ortodôntico, evitando assim o incômodo causado pelos bráquetes ou fios;

Parecida com uma massinha transparente, o paciente precisa apenas modelar uma pequena quantidade e aplicar sobre os bráquetes, assim a sensação de desconforto na mucosa diminuirá significativamente. Uso de fármacos : essa é uma forma utilizada em casos persistência da dor.

  • Tomar analgésicos de venda livre, tais como a dipirona e o paracetamol, oferecem conforto;
  • Nestes casos, recomenda-se seu uso a cada seis horas;
  • Lembre-se sempre de consultar a bula e perguntar sobre seu uso ao dentista responsável pela manutenção do aparelho;

O profissional deverá aconselhar o paciente sobre o melhor método para diminuir os desconfortos.

Como beijar uma pessoa de aparelho?

Dicas –

  • Se você estiver no cinema e pronto para beijar, tente não comer pipoca. Os grãos de pipoca realmente são difíceis de remover dos dentes, e nem vamos falar do aparelho. Se você estiver tentando enganar a fome, mastigue chiclete. Vai ser bom para você, para seu beijo, enfim, para todo mundo. Cuspa o chiclete antes do beijo, pois nada é pior do que ter um aparelho grudento no meio das beijocas.
  • Relaxe e se divirta. O beijo é sobre romance. Se você estiver preocupada com o aparelho o tempo todo, o beijo pode sofrer.
  • Mantenha o hálito fresco! Não pressione forte demais os lábios do parceiro se estiver usando aparelho – isso pode causar desconforto. Se você estiver dando um beijo francês em alguém com aparelho, mantenha a língua longe do fundo da boca. É aí onde estão as pontas mais afiadas do aparelho. No mais, apenas relaxe e não se preocupe muito. Quanto mais você pensar no aparelho, menos envolvente e romântico será seu beijo.
  • Concentre-se no beijo. Apenas esteja atento ao aparelho, mas não tanto ao ponto de se esquecer do momento. A outra pessoa provavelmente não se sente incomodada pelo aparelho, pois gosta de você e quer beijar.
  • Apenas relaxe e vá com calma. A pessoa com quem você troca beijos obviamente sabe da sua situação e será devidamente cuidadosa.
  • Beijar é se divertir e desfrutar do fato de que alguém realmente ama você ao ponto de não permitir que nada, nem ninguém, entre no caminho de sua experiência romântica.
  • Basicamente, esteja consciente quanto ao aparelho do parceiro durante as primeiras vezes. Você se acostumará a eles facilmente e isso se transformará num instinto.
  • Muita comida pode grudar em seus aparelhos. Tenha boa higiene e escove os dentes frequentemente.
  • Você deve sempre se lembrar de escovar os dentes e de tomar cuidado durante os beijos.
  • Se você estiver um pouco nervoso, peça para que o parceiro vá com calma.

Qual remédio para dor de dente por causa do aparelho?

Se a dor foi muito forte, o uso de analgésicos como o paracetamol (Tylenol) pode oferecer algum alívio para o desconforto causado pelo aparelho. Não se esqueça de tomar depois de um lanche ou refeição, pois ele pode causar azia se estiver de estômago vazio.

O que o aparelho faz no primeiro mês de uso?

Contenção – Depois da remoção do aparelho ortodôntico , o tratamento ainda não terminou! Os primeiros meses são considerados uma fase de adaptação dos dentes às novas posições, e o ortodontista pode indicar a colocação de contenções fixas ou removíveis para aumentar a estabilidade da arcada.

You might be interested:  O Que É Bom P Dor De Ouvido?

As consultas podem ser mais espaçadas, mas são essenciais para o acompanhamento do caso. Nem sempre é possível estimar a duração de cada uma das etapas do tratamento ortodôntico: cada organismo reage de uma maneira diferente, e por isso cada paciente tem sua própria necessidade de tempo para que o problema seja corrigido de forma eficiente e duradoura.

De qualquer maneira, passar por todas essas etapas é fundamental para obter os melhores resultados. E você, já conhecia todas as etapas do tratamento ortodôntico? Compartilhe nosso post nas redes sociais e divida a informação com seus amigos!.

O que pode comer no primeiro dia de aparelho?

Quem usa aparelho emagrece?

O aparelho impede de comer diversos alimentos – Esse é um mito comum entre as pessoas: depois de colocar um aparelho não se pode comer muitos alimentos e a pessoa até emagrece. E a verdade é que não há nenhuma restrição, apenas alguns cuidados que devem ser tomados para não quebrar a estrutura do aparelho ou contribuir para o aparecimento cáries.

Basta seguir as orientações do ortodontista e tudo sairá bem. Por exemplo, os alimentos mais duros — como pipoca ou amendoim — devem ser mastigados sempre com calma. Também é importante evitar pedaços muito grandes e ter cautela com o que for muito grudento — como balas e chicletes.

Talvez você prefira deixar de comer alguns alimentos nos primeiros dias com o aparelho, pois os dentes podem estar mais sensíveis e a falta de costume pode dificultar a mastigação. Mas em pouco tempo você vai perceber que não precisa se privar de nada, se tudo for feito com cuidado.

Quanto tempo demora para se acostumar com o aparelho?

Mastigação, fala, machucados, dores e quais tipos de alimentos evitar com o uso do aparelho fixo: especialistas explicam tudo Com maior ou menor intensidade, colocar aparelho ortodôntico fixo muda a rotina de qualquer pessoa. Embora hoje haja mais conforto do que há uma década – o tamanho dos bráquetes diminuiu, por exemplo -, é um elemento novo na boca que exige adaptação além da escovação especial dos dentes.

  • Conversamos com o cirurgião-dentista Eglisson Amaral, especialista em ortodontia da Crie Odontologia (CRO-DF 8621), e o cirurgião-dentista Márcio Panhota, responsável pela área de ortodontia e diretor da JP Odonto (CRO-SP 57765), para entender todos os aspectos da adaptação ao aparelho ortodôntico fixo;

Ir aos poucos: este é o segredo do sucesso para não se ferir ao comer com um novo aparelho ortodôntico fixo. “O ideal é que, nos primeiros dias após a instalação, o paciente faça a ingestão de alimentos mais macios. Assim, conseguirá entender o nível de incômodo que sentirá”, orienta Eglisson Amaral.

  1. Isso porque algumas pessoas sentem muita dor a cada mordida, enquanto outras mal notam diferenças;
  2. O dentista também deve ajudar neste momento de sensibilidade, usando fios mais finos e flexíveis nas primeiras semanas e fornecendo ceras protetoras para serem colocadas sobre os bráquetes a fim de evitar irritações na mucosa bucal;

“A cavidade bucal não deve ser machucada ou ferida em nenhuma hipótese”, afirma Márcio Panhota. Em um período de três dias a uma semana, a adaptação à alimentação estará completa, garantem os especialistas. Márcio Panhota observa que os aparelhos que ocupam o céu da boca têm uma adaptação diferente no que diz respeito à fala, mas o prazo acaba sendo o mesmo para estes e para os que deixam a área livre: no máximo dez dias.

  1. É preciso ter paciência para encontrar a melhor forma de mexer os lábios para articular e pronunciar as palavras, o que é muito pessoal, e consciência de que isso é uma fase que logo será ultrapassada;

Os benefícios que virão na sequência valem o esforço. Machucados, feridas e lesões abertas na parte interna das bochechas podem ocorrer depois da colocação do aparelho fixo, principalmente por causa da fricção dos bráquetes ou de o fio ortodôntico soltar (é raro, mas pode acontecer).

Esses tipos de lesões são sinais que não podem ser ignorados, sob o risco de se tornarem portas de entrada para infecções e inflamações. Neste caso, deve-se passar por uma consulta com o dentista imediatamente para conter os danos e adotar medidas preventivas, como a aplicação da cera para os bráquetes mencionada anteriormente.

“A gengiva não dói por conta do tratamento ortodôntico. Isso não acontece. O problema mais comum com a gengiva durante o tratamento é a gengivite, causada principalmente pela dificuldade de fazer a higiene bucal por parte do paciente”, esclarece Márcio Panhota.

Eglisson Amaral lembra que algumas alergias podem causar inchaços na gengiva e nas bochechas, mas são raras. Cabe ao profissional que estiver guiando o tratamento explicar como deve ser feita a higienização dos dentes e da boca.

Caso o estrago já esteja feito, intervir e resolver o problema (de uma placa bacteriana, por exemplo) e reorientar o paciente quanto à escovação, ao uso do fio dental e de enxaguantes bucais. É melhor não. E não apenas na fase de adaptação, como diz Eglisson Amaral: “Alimentos duros, como castanhas, barras de cereais, pipocas e balas pegajosas, devem ser evitados sempre.

Porque dói tanto os dentes com aparelho?

A pergunta de um milhão de dólares. Vou sentir dor após colocar aparelho ortodôntico? E a resposta é quase sempre a mesma. Provavelmente sim! Mas a intensidade dessa dor pode variar em cada pessoa. E por que dói? Vamos entender como o mecanismo de movimentação dentária causada pelo aparelho ortodôntico pode causar dor.

  1. A movimentação dentária começa horas após você sair da consulta;
  2. Nos aparelhos comuns, a troca ou manutenção do fio e a as novas ligaduras elásticas (borrachinhas) que “apertam” o fio contra o bráquete vão iniciar essa movimentação ortodôntica;

Quando aplicamos uma força nas raízes dos dentes através do aparelho ortodôntico , tanto as células ósseas quanto as células dos tecidos que circundam essas raízes (chamamos de ligamento periodontal – veja imagem abaixo) são estimuladas. O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho Duas células são muito importantes na movimentação ortodôntica: os osteoclastos e os osteoblastos. Os osteoclastos são responsáveis por reabsorver e remodelar o tecido ósseo, ou seja, removem osso do local onde agem. Já os osteoblastos têm função contrária, pois são células formadoras de osso. Quando o aparelho ortodôntico é ativado, ele pressiona as raízes dos dentes contra o tecido óssea. O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho Na figura do meio, em azul vemos a representação dos osteoclastos e em amarelo os osteoblastos. Essa ação contínua mês a mês de reabsorção e neoformação óssea faz o dente “andar para a posição correta”. É como se os dentes fossem o trem e o tecido ósseo, seus trilhos. O dente vai andar pelo trilho ósseo até chegar na posição ideal. Essa movimentação depende de inúmeros fatores, como a reação do organismo (para cada indivíduo a resposta pode ser diferente), a intensidade da força que o aparelho aplica sobre o dente, o tempo que esta força será aplicada, dentre outros fatores.

No lado de pressão vamos ter reabsorção óssea pela ação dos osteoclastos. No lado de tensão teremos a ação dos osteoblastos formando osso. Veja no vídeo abaixo, da PUC-MG, uma breve explicação da movimentação ortodôntica.

Então vamos a resposta. Quando ativamos o aparelho ortodôntica para iniciar a movimentação ortodôntica, fazemos com que a raiz do dente pressione o tecido ósseo. Essa pressão diminui o fluxo sanguíneo na região, além de comprimir (“esmagar”) as fibras nervosas presentes no local.

  1. Esses fatores irão iniciar uma reação inflamatória, resultando na remodelação óssea descrita acima;
  2. Essa reação inflamatória causará dor e sensibilidade, que terá início até doze horas após a consulta e deverá cessar de 36 a 48 horas após a consulta;

Se a dor persistir por um tempo maior do que esse, o melhor é entrar em contato com seu ortodontista para avaliar o que está acontecendo. ERRADO. Isso é um equívoco. Forças muito intensas comprimem demais os vasos sanguíneos e fibras nervosas. Isso pode levar a uma interrupção no aporte sanguíneo da região, causando a morte dos tecidos e atrasando o tratamento, porque os dentes não irão se movimentar.

  1. Essas regiões que sofrem grandes agressões devido a compressão são chamadas de zonas hialinas;
  2. As áreas de hialinização são áreas sem circulação sanguínea onde as células acabam morrendo por falta de nutrição;
You might be interested:  Dor Na Garganta É Ouvido Quando Engole?

(Veja na figura abaixo a ilustração do lado direito). Para que haja movimentação, essas áreas agredidas devem ser primeiramente recuperadas para que se possa seguir o tratamento. Além disso, em casos mais extremos, essa compressão e consequente formação de áreas hialinas podem causar reabsorção das raízes dos dentes (destruição parcial das raízes). Assim, forças mais leves aplicadas sobre os dentes tendem a promover melhor movimentação dentária e tornar o tratamento ortodôntico mais curto.

  1. Aparelhos autoligados (que não utilizam “borrachinhas”) diminuem o atrito entre fio e bráquete, gerando forças mais leves sobre os dentes e possibilitando tratamentos em menos tempo;
  2. Não há um consenso entre os ortodontistas, mas como vimos, a movimentação ortodôntica se dá pela reação inflamatória localizada;

O uso de antiinflamatórios e analgésicos podem interferir nessa movimentação, atrasando o tratamento. Aguardar 48 horas para que haja remissão da sintomatologia dolorosa é o melhor caminho. Caso a dor seja muito intensa, o uso de analgésicos pode ser feito para que haja alívio.

E como foi dito antes, se a dor persistir por mais tempo, entre em contato com seu ortodontista para uma avaliação. Gostou do texto? Ficaram dúvidas? Deixe nos comentários. Uma ótima semana a todos. Aproveite e siga nossas redes sociais.

Instagram  e  Facebook Grande abraço.

Onde mais dói aparelho em cima ou em baixo dos dentes?

Conclusão – Pois bem, agora você já sabe que colocar aparelho ortodôntico, em cima e embaixo, não dói nada e nem demanda muito tempo da agenda do paciente. Além disso, já conhece bem quais são as etapas do tratamento dental, desde o diagnóstico à contenção. É importante lembrar que cuidar do seu sorriso é uma tarefa essencial para além da estética, que por si só já vale muito. Trata-se de um modo de preservar a saúde da sua boca!.

Pode tomar dorflex para dor de aparelho?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho Tambem indicaria so dipirona ate isso passar um ou dois dias Não existe interação medicamentosa entre o Ibuprofeno e o Roacutan (desde que você tome as medicações sob orientação médica e seguindo a posologia correta). Estar doloroso é aceitável mas a ponto de você não conseguir comer não considero normal. Procure seu dentista e peça uma orientação. Ola!! Não é indicado tomar ibuprofeno por ser um anti-inflamatório. Esse tipo de medicação atrapalha no processo de movimentação dentária pois, para se movimentar o dente provocamos uma força leve e continua que causa uma pequena inflamação.

  • Fiz um canal na quarta-feira e ontem de noite começou a formigar minha boca e hoje está dormente, é normal ? Estou super preocupada
  • Um dente mexendo depois de um acidente com alimento duro tem solucão?
  • Estou com uma dor como de hipersensibilidade no dente, suportável, após quebrar um pedaço ,minha dentista restaurou e disse que não havia necessidade de canal no momento, o que posso tomar para diminuir ou sanar esse incômodo?
  • Fiz implante dentário coloquei 3 dentes de porcelana na frente , e por trás ficou muito grossa e a língua está pegando esta prejudicando minha fala, tem como desgastar um pouco?
  • Fiz um canal a cinco dias atrás, é normal esta doendo muito, mesmo tomando analgésico?
  • Minha filha tá nascendo o segundo molar, chora a noite toda, O que fazer?
  • Boa noite. Tive alveolite pós extração de um dente na parte de baixo, fui ao dentista novamente e ele me deu várias anestesias local pois não tinha me sentido bem com a outra enestesia mais forte senti o coração acelerado enfim raspou a infecção e deu ponto de novo, porém ainda sinto dor, é normal ou…
  • Estou com alveolite, a dentista colocou um medicamento que cessou a dor, porém não estou sentindo melhora na cicatrização,. O que posso fazer para melhorar?
  • Bom dia! Fiz um canal no dente em março,está doendo até hj,e depois de uma tomografia descobri que está trincado, qual seria o tratamento certo para esse problema. ?
  • A massa do meu canal caiu á muito tempo , com isso o dente foi quebrando e ficou um buraco aberto , tem como só tampar o buraco ou terei de extrair a raiz do dente ??? Agradeço a atenção!!!!

O que o aparelho pode causar?

‘Dá mais destaque no sorriso’, diz jovem que aderiu à moda. Especialista comenta diferentes usos de acessórios dentários entre jovens. – A aplicação e uso de aparelhos ortodônticos sem o acompanhamento de um dentista pode causar problemas de mastigação, reação alérgica, perda óssea, movimentações dentárias desnecessárias e até perda dos dentes, segundo especialistas.

Elásticos, borrachas e fios dentários são vendidos sem fiscalização nas ruas de São Paulo , por usuários nas redes sociais e em outros sites, e usados por jovens como acessórios de moda. Dentistas ouvidos pelo G1 dizem que os danos podem ser irreversíveis ou de difícil reparação.

Celso Lemos, professor do Departamento de Estomatologia da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (USP), comenta que a aplicação inclui até fios de vassoura e supercola, além de fios e elásticos trançados. “Tudo isso tem potencial de fazer um estrago muito grande, com perda de dente.

  1. Temos visto imagens de dentes totalmentes soltos, com a raiz fora da maxila, presos só pelo aparelho” afirma;
  2. Um estudante de 16 anos ouvido pelo G1, morador de São Paulo, conta que já usa aparelho há três anos, mas há oito meses decidiu parar o tratamento para “personalizá-lo” em casa, sozinho;

“Tem um amigo que traz uns rolos de fio e as borrachinhas. Não precisa colar nada. É fácil e rápido”, conta o jovem. Seus pais não gostaram do aparelho. “Mas eu quis. Está na moda, vários amigos meus cancelaram o tratamento para fazer a personalização em casa, manual.

Dá mais destaque no sorriso”. Outra jovem de São Paulo, de 15 anos, conta que usa aparelho “só de enfeite” há mais de um ano. “Achei interessante, estava na moda, todo mundo colocando, aí decidi botar também”, diz.

Ela pagou R$ 90 para que um conhecido colocasse o aparelho em sua boca. A “manutenção” ela faz sozinha, em casa. “Pego [o material] com uns amigos que compram”, explica. Segundo a adolescente, o falso aparelho “aperta como se tivesse colocado no dentista” e mexe com o dente.

“Estou querendo tirar porque está dando problema no meu dente. Está entortando um pouco”, queixa-se. Ela não foi mais ao dentista depois que colocou o aparelho. Complicações Tanto os jovens que colocam os acessórios por conta própria, quanto os que mantêm o aparelho depois de um tratamento odontológico para personalizar correm risco de danificar a estrutura dentária e comprometem a saúde bucal, explica Cláudia Garrido, cirurgiã-dentista e supervisora do Setor de Fiscalização do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP).

“Achei interessante, estava na moda, todo mundo colocando, aí decidi botar também” Estudante de 15 anos Os que mantêm o aparelho após tratamento podem perder toda a correção obtida. “Tanto é que, após o tratamento ortodôntico, o paciente usa aparelho de contenção, justamente com o intuito de manter a posição dos dentes”, diz a dentista Cláudia.

“Pelo fato de adquirir (os acessórios) de ambulantes não sabemos a procedência do produto e isso coloca em risco a saúde do usuário, porque não existe biossegurança. Os produtos são vendidos fora da embalagem original e não se sabe como foi o armazenamento”, diz.

You might be interested:  Dor No Céu Da Boca Quando Come?

O tipo de elástico e a forma como os jovens os colocam entre os brackets pode aplicar força nos dentes de forma aleatória, provocando alteração do posicionamento dentário e consequentemente, dor. “É muito difícil que o aparelho não cause sensibilidade, mesmo em tratamento assistido”, afirma.

  1. Segundo ela, a prática traz riscos de intrusão, quando o dente é empurrado para o interior do tecido ósseo; de extrusão, quando ele é puxado para baixo e para fora do suporte ósseo, e de giroversão, quando o dente gira no próprio eixo;

Sem uma mastigação adequada, ela conta que também pode haver problemas de digestão dos alimentos. Diferentes usos A pedido do G1 , ela comentou algumas formas de uso desses acessórios dentários, mostrados em imagens publicadas nas redes sociais. Veja abaixo a análise de Cláudia Garrido: O Que Fazer Para Aliviar A Dor Quando Coloca Aparelho (Foto: Reprodução/ Facebook/Aparelhos Diferenciados) “Nesta foto, ele usou elástico ortodôntico, porém em posicionamento incorreto. Há união de dois ou mais elementos (dentários) através dos elásticos e sem o apoio do fio. Ele faz o trançado inclusive utilizando as aletas (ganchos dos brackets) de forma irregular. Isso pode alterar completamente a posição dos dentes e provocar giroversão, que é quando o dente gira no próprio eixo.

O que atrapalha o tratamento ortodôntico?

Consumir alimentos duros e pegajosos – Os aparelhos fixos não costumam quebrar com muita facilidade, mas uma das principais causas para isso é a alimentação. Isso porque os alimentos duros e pegajosos , como balas, pipoca e amendoim, podem ficar presos nos bráquetes e atrapalhar todo o processo de higienização, resultando em um atraso no tratamento ortodôntico.

Onde mais dói aparelho em cima ou em baixo dos dentes?

Conclusão – Pois bem, agora você já sabe que colocar aparelho ortodôntico, em cima e embaixo, não dói nada e nem demanda muito tempo da agenda do paciente. Além disso, já conhece bem quais são as etapas do tratamento dental, desde o diagnóstico à contenção. É importante lembrar que cuidar do seu sorriso é uma tarefa essencial para além da estética, que por si só já vale muito. Trata-se de um modo de preservar a saúde da sua boca!.

O que o aparelho faz no primeiro mês de uso?

Contenção – Depois da remoção do aparelho ortodôntico , o tratamento ainda não terminou! Os primeiros meses são considerados uma fase de adaptação dos dentes às novas posições, e o ortodontista pode indicar a colocação de contenções fixas ou removíveis para aumentar a estabilidade da arcada.

  1. As consultas podem ser mais espaçadas, mas são essenciais para o acompanhamento do caso;
  2. Nem sempre é possível estimar a duração de cada uma das etapas do tratamento ortodôntico: cada organismo reage de uma maneira diferente, e por isso cada paciente tem sua própria necessidade de tempo para que o problema seja corrigido de forma eficiente e duradoura;

De qualquer maneira, passar por todas essas etapas é fundamental para obter os melhores resultados. E você, já conhecia todas as etapas do tratamento ortodôntico? Compartilhe nosso post nas redes sociais e divida a informação com seus amigos!.

Quanto tempo demora para se acostumar com o aparelho?

Mastigação, fala, machucados, dores e quais tipos de alimentos evitar com o uso do aparelho fixo: especialistas explicam tudo Com maior ou menor intensidade, colocar aparelho ortodôntico fixo muda a rotina de qualquer pessoa. Embora hoje haja mais conforto do que há uma década – o tamanho dos bráquetes diminuiu, por exemplo -, é um elemento novo na boca que exige adaptação além da escovação especial dos dentes.

  • Conversamos com o cirurgião-dentista Eglisson Amaral, especialista em ortodontia da Crie Odontologia (CRO-DF 8621), e o cirurgião-dentista Márcio Panhota, responsável pela área de ortodontia e diretor da JP Odonto (CRO-SP 57765), para entender todos os aspectos da adaptação ao aparelho ortodôntico fixo;

Ir aos poucos: este é o segredo do sucesso para não se ferir ao comer com um novo aparelho ortodôntico fixo. “O ideal é que, nos primeiros dias após a instalação, o paciente faça a ingestão de alimentos mais macios. Assim, conseguirá entender o nível de incômodo que sentirá”, orienta Eglisson Amaral.

Isso porque algumas pessoas sentem muita dor a cada mordida, enquanto outras mal notam diferenças. O dentista também deve ajudar neste momento de sensibilidade, usando fios mais finos e flexíveis nas primeiras semanas e fornecendo ceras protetoras para serem colocadas sobre os bráquetes a fim de evitar irritações na mucosa bucal.

“A cavidade bucal não deve ser machucada ou ferida em nenhuma hipótese”, afirma Márcio Panhota. Em um período de três dias a uma semana, a adaptação à alimentação estará completa, garantem os especialistas. Márcio Panhota observa que os aparelhos que ocupam o céu da boca têm uma adaptação diferente no que diz respeito à fala, mas o prazo acaba sendo o mesmo para estes e para os que deixam a área livre: no máximo dez dias.

  1. É preciso ter paciência para encontrar a melhor forma de mexer os lábios para articular e pronunciar as palavras, o que é muito pessoal, e consciência de que isso é uma fase que logo será ultrapassada;

Os benefícios que virão na sequência valem o esforço. Machucados, feridas e lesões abertas na parte interna das bochechas podem ocorrer depois da colocação do aparelho fixo, principalmente por causa da fricção dos bráquetes ou de o fio ortodôntico soltar (é raro, mas pode acontecer).

Esses tipos de lesões são sinais que não podem ser ignorados, sob o risco de se tornarem portas de entrada para infecções e inflamações. Neste caso, deve-se passar por uma consulta com o dentista imediatamente para conter os danos e adotar medidas preventivas, como a aplicação da cera para os bráquetes mencionada anteriormente.

“A gengiva não dói por conta do tratamento ortodôntico. Isso não acontece. O problema mais comum com a gengiva durante o tratamento é a gengivite, causada principalmente pela dificuldade de fazer a higiene bucal por parte do paciente”, esclarece Márcio Panhota.

  • Eglisson Amaral lembra que algumas alergias podem causar inchaços na gengiva e nas bochechas, mas são raras;
  • Cabe ao profissional que estiver guiando o tratamento explicar como deve ser feita a higienização dos dentes e da boca;

Caso o estrago já esteja feito, intervir e resolver o problema (de uma placa bacteriana, por exemplo) e reorientar o paciente quanto à escovação, ao uso do fio dental e de enxaguantes bucais. É melhor não. E não apenas na fase de adaptação, como diz Eglisson Amaral: “Alimentos duros, como castanhas, barras de cereais, pipocas e balas pegajosas, devem ser evitados sempre.

Quanto tempo demora para mover um dente?

Mas afinal, quanto tempo demora para alinhar os dentes? – Alinhamento de dentes com aparelho Geralmente, o tratamento ortodôntico pode levar entre 6 e 24 meses. Vale ressaltar, porém, que a duração do processo depende de uma série de fatores, variando de pessoa para pessoa. O grau de complexidade de cada caso – como a gravidade da má oclusão, a necessidade de extração de dentes e até mesmo idade da pessoa – e o comprometimento do paciente com cada etapa do tratamento têm impacto direto no tempo em que ele vai precisar utilizar o aparelho.

Infelizmente, é muito comum vermos casos de pacientes que já não se dedicam tanto no período final do tratamento, o que pode comprometer tudo o que foi feito até então. Entender cada etapa do processo é essencial para o sucesso do tratamento e para colaborar da melhor maneira possível nos resultados esperados.

É importante seguir as indicações do ortodontista e manter as consultas periódicas, mesmo após a colocação das contenções. Por isso, vale ressaltar: se tirar o aparelho antes do tempo, os dentes voltam para a posição inicial e jogam-se fora todo o tempo e dinheiro investidos.

0
Adblock
detector