Dor De Garganta Pode Ser O Quê?

Dor De Garganta Pode Ser O Quê
O que pode ser a dor de garganta – Em geral, essa dor aparece por causa de uma inflamação ou infecção. Quase sempre, a dor surge durante uma gripe ou resfriado. Mas outras possíveis causas incluem:.

Qual o tratamento para dor de garganta?

A dor de garganta é um sintoma que indica, na maioria dos casos, doenças infecciosas (virais ou bacterianas) ou inflamações leves – quadros que cessam sem tratamento médico ou então com o uso de anti-inflamatórios. Foto: Getty Images Segundo a Organização Mundial da Saúde ( OMS ), alguns pacientes infectados pelo novo coronavírus podem se queixar de dor na garganta. Se a dor vier acompanhada de tosse seca, febre ou algum outro sintoma de COVID-19 , é recomendado que se busque orientação médica. Em geral, as causas mais comuns para a dor de garganta são: A dor de garganta pode ser ocasionada por uma infecção causada por vírus. Entre as doenças virais mais comuns que levam ao sintoma estão:

  • Gripe ou resfriado: tipos mais comuns de infecções virais
  • Laringite Faringite : geralmente viral, há dor para engolir e falar
  • Amigdalite : inflamação viral nas amígdalas, com vermelhidão, inchaço ou secreções no local
  • Mononucleose
  • Parotidite infecciosa
  • Herpangina
  • Faringoamigdalite

Uma infecção bacteriana pode também levar a uma forte dor de garganta, e as principais causas são:

  • Faringite: quando bacteriana, costuma apresentar pus
  • Amigdalite:quando bacteriana, costuma apresentar pus
  • Epiglotite
  • Uvulite
  • Faringoamigdalite
  • Doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), em casos como gonorreia ou clamídia

Uma dor de garganta que dura mais de uma semana também pode ser causada por substâncias irritantes ou lesões, como: Saiba mais: Dez hábitos que turbinam a sua imunidade

  • Baixa umidade
  • Tabagismo
  • Poluição do ar
  • Forçar a voz
  • Drenagem nasal posterior
  • Respirar pela boca
  • Refluxo gastroesofágico
  • Machucado físico (como um corte, causado ao engolir algo pontiagudo)
  • Síndrome da fadiga crônica

As infecções de ouvido e garganta são mais freqüentes nos bebês porque os agentes que as causam são os mais comuns. Nosso sistema imunológico funciona a partir da memória do organismo; como os bebês não foram expostos a muitos, não possuem uma resposta adequada contra tais agentes, fazendo a dor de garganta ser um sintoma comum nessa fase. Saiba mais: Bebê com infecção de ouvido e garganta exige mais do que tratamento médico Se a dor de garganta persistir por mais de uma semana, você deve buscar atendimento médico para investigar as causas e fazer o tratamento adequado.

  • O médico pode pedir que você abra a boca para que examine a existência de pus ou inflamação;
  • Ele também pode medir a sua temperatura para identificar se você tem febre;
  • Saiba mais: 11 atitudes que facilitam a consulta médica Seu médico pode fazer as seguintes perguntas a você durante a consulta;

Esteja pronto para respondê-las e ajude-o a descobrir o seu diagnóstico: O tratamento para dor de garganta depende da causa. Se estiver relacionada a uma doença viral, como gripe, é importante não usar antibióticos para tratá-la, pois eles eliminam apenas as bactérias, e não os vírus.

You might be interested:  O Que É Bom Para Dor De Barriga Infantil?

Por outro lado, alguns produtos naturais podem ser utilizados para aliviar a dor de garganta, como mel, própolis, gengibre , limão e papaína. Entretanto, eles são apenas paliativos e não tratam a raiz do problema.

O que é sempre mais indicado é que a pessoa procure seu médico para que ele faça o acompanhamento e receite o remédio ou tratamento mais preciso. Veja quais são os remédios caseiros para dor de garanta Uma dor de garganta pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Os medicamentos e remédios mais comuns no tratamento de dor de garganta são:

  • AAS
  • Alivium
  • Azitromicina
  • Benalet
  • Cataflam
  • Coristina D
  • Diclofenaco Colestiramina
  • Diclofenaco Potássico
  • Diclofenaco Resinato
  • Dipirona
  • Fenaflan D
  • Flanax 550mg
  • Flogoral
  • Ibupril (gotas)
  • Ibuprofeno
  • Nimesulida
  • Naldecon Dia
  • Naldecon Noite
  • Nisulid
  • Paratram
  • Paracetamol Bebê
  • Paracetamol
  • Toragesic

Atenção : siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula. É importante ressaltar a diferença entre a garganta inflamada causada por infecções virais ou bacterianas.

  • Gargarejos com água morna e sal
  • Mel quente com limão
  • Própolis
  • Gengibre

Veja quais são os remédios caseiros para dor de garanta De acordo com o médico Paulo José Moreno, nesse caso, é necessário procurar um médico para saber a justificativa da dor. É importante lembrar que a utilização de medicamentos durante a gravidez deve ser mais criteriosa e indicada por um especialista. Não há como prevenir uma dor de garganta, mas alguns cuidados ajudam a reduzir os riscos de uma dor de garganta. Entre eles, estão: Saiba mais: Combata rouquidão e dor de garganta

  • Lave as mãos com frequência, especialmente quando você tiver contato com pessoas doentes ou com grandes aglomerações, como no transporte público.
  • Mantenha distância de agentes irritantes, como cigarro, poluição e ar-condicionado.
  • Não force a voz.
  • Evite respirar pela boca.
  • Não fume ou utilize outros produtos de tabaco e evite a exposição ao fumo passivo.
  • Use descongestionantes receitados pelo médico ou lavagem do nariz em caso de nariz entupido.
  • Tenha cuidado com a troca de temperatura ambiente.
  • Beba muita água par evitar a desidratação.

Médico clínico geral Flavio Fernandes Naves, CRM 133733 Gustavo Korn, médico otorrinolaringologista, CRM 101458 SP.

Quais são os sintomas das Dores de garganta de origem infecciosa?

Você sabe o que é a dor de garganta? “Dor de garganta” é um termo guarda-chuva que normalmente descreve um sintoma de ocorrência comum a muitas condições e doenças. Além disso, dor de garganta pode se referir à inflamação que pode atingir mais de uma região da garganta, podendo ser encontrada na faringe, laringe ou amígdalas.

A dor de garganta persistente caracteriza-se pela recorrência de uma dessas condições e apresentam como sintomas, além da dor ao engolir, a rouquidão da garganta, dificuldade de falar e em casos mais sérios, a irradiação da dor para as articulações da mandíbula, o que agrava a sensação de desconforto.

You might be interested:  O Que Causa Dor Na Vesícula?

Dores de garganta recorrentes provocam ainda uma carga psicossomática no indivíduo , gerando desgaste e incômodo como resultado dos episódios repetidos. Elas podem ser causadas por uma variedade enorme de problemas, desde doenças como a tuberculose até fatores ambientais e a baixa imunidade.

Quais são os fatores que causam dor de garganta persistente?

Refluxo – Uma causa muitas vezes inesperada para a dor de garganta persistente é o refluxo gastroesofágico. O refluxo é o retorno do conteúdo ácido do estômago para o esôfago , que pode chegar até as regiões da laringe e faringe, quando é chamado de laringofaríngeo.

  1. Quando o ácido estomacal atinge a região da garganta, pode provocar lesões nas cordas vocais e faringe, além de mau hálito e até problemas dentais;
  2. A dor de garganta surge por causa da irritação provocada na região pelo contato com a substância;

Por causa da ausência de sintomas clássicos, essa origem de dor de garganta levou tempo até ser identificada pelos especialistas, como destaca a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial. Os indícios mais comuns dessa dor de garganta são tosse seca, pigarro e rouquidão.

O que fazer se a dor de garganta persistir por mais de uma semana?

A dor de garganta é um sintoma que indica, na maioria dos casos, doenças infecciosas (virais ou bacterianas) ou inflamações leves – quadros que cessam sem tratamento médico ou então com o uso de anti-inflamatórios. Foto: Getty Images Segundo a Organização Mundial da Saúde ( OMS ), alguns pacientes infectados pelo novo coronavírus podem se queixar de dor na garganta. Se a dor vier acompanhada de tosse seca, febre ou algum outro sintoma de COVID-19 , é recomendado que se busque orientação médica. Em geral, as causas mais comuns para a dor de garganta são: A dor de garganta pode ser ocasionada por uma infecção causada por vírus. Entre as doenças virais mais comuns que levam ao sintoma estão:

  • Gripe ou resfriado: tipos mais comuns de infecções virais
  • Laringite Faringite : geralmente viral, há dor para engolir e falar
  • Amigdalite : inflamação viral nas amígdalas, com vermelhidão, inchaço ou secreções no local
  • Mononucleose
  • Parotidite infecciosa
  • Herpangina
  • Faringoamigdalite

Uma infecção bacteriana pode também levar a uma forte dor de garganta, e as principais causas são:

  • Faringite: quando bacteriana, costuma apresentar pus
  • Amigdalite:quando bacteriana, costuma apresentar pus
  • Epiglotite
  • Uvulite
  • Faringoamigdalite
  • Doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), em casos como gonorreia ou clamídia

Uma dor de garganta que dura mais de uma semana também pode ser causada por substâncias irritantes ou lesões, como: Saiba mais: Dez hábitos que turbinam a sua imunidade

  • Baixa umidade
  • Tabagismo
  • Poluição do ar
  • Forçar a voz
  • Drenagem nasal posterior
  • Respirar pela boca
  • Refluxo gastroesofágico
  • Machucado físico (como um corte, causado ao engolir algo pontiagudo)
  • Síndrome da fadiga crônica

As infecções de ouvido e garganta são mais freqüentes nos bebês porque os agentes que as causam são os mais comuns. Nosso sistema imunológico funciona a partir da memória do organismo; como os bebês não foram expostos a muitos, não possuem uma resposta adequada contra tais agentes, fazendo a dor de garganta ser um sintoma comum nessa fase. Saiba mais: Bebê com infecção de ouvido e garganta exige mais do que tratamento médico Se a dor de garganta persistir por mais de uma semana, você deve buscar atendimento médico para investigar as causas e fazer o tratamento adequado.

O médico pode pedir que você abra a boca para que examine a existência de pus ou inflamação. Ele também pode medir a sua temperatura para identificar se você tem febre. Saiba mais: 11 atitudes que facilitam a consulta médica Seu médico pode fazer as seguintes perguntas a você durante a consulta.

Esteja pronto para respondê-las e ajude-o a descobrir o seu diagnóstico: O tratamento para dor de garganta depende da causa. Se estiver relacionada a uma doença viral, como gripe, é importante não usar antibióticos para tratá-la, pois eles eliminam apenas as bactérias, e não os vírus.

  • Por outro lado, alguns produtos naturais podem ser utilizados para aliviar a dor de garganta, como mel, própolis, gengibre , limão e papaína;
  • Entretanto, eles são apenas paliativos e não tratam a raiz do problema;
You might be interested:  Dor No Nervo Ciático O Que Fazer?

O que é sempre mais indicado é que a pessoa procure seu médico para que ele faça o acompanhamento e receite o remédio ou tratamento mais preciso. Veja quais são os remédios caseiros para dor de garanta Uma dor de garganta pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Os medicamentos e remédios mais comuns no tratamento de dor de garganta são:

  • AAS
  • Alivium
  • Azitromicina
  • Benalet
  • Cataflam
  • Coristina D
  • Diclofenaco Colestiramina
  • Diclofenaco Potássico
  • Diclofenaco Resinato
  • Dipirona
  • Fenaflan D
  • Flanax 550mg
  • Flogoral
  • Ibupril (gotas)
  • Ibuprofeno
  • Nimesulida
  • Naldecon Dia
  • Naldecon Noite
  • Nisulid
  • Paratram
  • Paracetamol Bebê
  • Paracetamol
  • Toragesic

Atenção : siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula. É importante ressaltar a diferença entre a garganta inflamada causada por infecções virais ou bacterianas.

  • Gargarejos com água morna e sal
  • Mel quente com limão
  • Própolis
  • Gengibre

Veja quais são os remédios caseiros para dor de garanta De acordo com o médico Paulo José Moreno, nesse caso, é necessário procurar um médico para saber a justificativa da dor. É importante lembrar que a utilização de medicamentos durante a gravidez deve ser mais criteriosa e indicada por um especialista. Não há como prevenir uma dor de garganta, mas alguns cuidados ajudam a reduzir os riscos de uma dor de garganta. Entre eles, estão: Saiba mais: Combata rouquidão e dor de garganta

  • Lave as mãos com frequência, especialmente quando você tiver contato com pessoas doentes ou com grandes aglomerações, como no transporte público.
  • Mantenha distância de agentes irritantes, como cigarro, poluição e ar-condicionado.
  • Não force a voz.
  • Evite respirar pela boca.
  • Não fume ou utilize outros produtos de tabaco e evite a exposição ao fumo passivo.
  • Use descongestionantes receitados pelo médico ou lavagem do nariz em caso de nariz entupido.
  • Tenha cuidado com a troca de temperatura ambiente.
  • Beba muita água par evitar a desidratação.

Médico clínico geral Flavio Fernandes Naves, CRM 133733 Gustavo Korn, médico otorrinolaringologista, CRM 101458 SP.

0
Adblock
detector